Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Desafeto de Neymar, ex-volante que chamou o atacante de “Justin Bieber brasileiro” é técnico na 3ª divisão inglesa e está longe dos holofotes

Ex-atleta chegou a chamar o camisa 10 do PSG de “Kim Kardashian do futebol”

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016, radialista na Paiquerê 91,7.

Crédito: Lewis Storey/Getty Images

Um dos atletas mais polêmicos dos últimos anos no futebol mundial está longe dos holofotes e sequer segue na carreira de atleta profissional. O ex-volante Joey Barton, revelado pelo Manchester City em 2002, completa 37 anos nesta segunda-feira (2) e sempre foi um jogador de muita técnica, mas que ganhou corpo na mídia por uma série de entrevistas que geraram muita repercussão.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

Das polêmicas extra-campo ao insucesso em grandes clubes, Barton deixou seu clube de formação em 2007 antes do City se tornar o mais novo rico da Europa. Em busca de novos desafios se mudou para o Newcastle, mas não conseguiu sequência.

Porém, o volante inglês ganhou fama no Brasil a partir de 2013, quando Neymar acertou sua transferência para o Barcelona. Assim que o negócio foi aberto, o jogador, que defendia o Queens Park Rangers na época, disse que o brasileiro era “superestimado”.

Sem papas na língua, seguiu provocando o brasileiro mesmo sem jamais tê-lo enfrentado em campo. Em 2014, quando Neymar se lesionou durante a Copa do Mundo de 2014, Barton surpreendeu e foi ao seu Twitter escrever: “estou destruído”.

Críticas à publicidade
O que chama a atenção sobre as críticas de Barton a Neymar é sobre o excesso de publicidade que o brasileiro já tinha a sua volta antes mesmo de pisar em Barcelona, quando ainda era uma promessa do Santos, aos 21 anos.

De fevereiro a março de 2013, antes mesmo da transferências ser concluída, o inglês já havia falado sobre o atacante em três oportunidades. Além de falar que o jogador é “superestimado”, disse: “vejo muita publicidade sobre ele e esperava mais”.

A primeira frase viral de Barton sobre Neymar foi no mesmo período, quando disse que “Neymar é o Justin Bieber do futebol. Brilhante no YouTube, mas um xixi de gato na realidade”.

Na Copa do Mundo de 2014, após lamentar a lesão do camisa 10, o inglês voltou ao Twitter para seguir fazendo piadas com Neymar. Para opinar sobre a semifinal contra a Alemanha, chegou a dizer que o Brasil perderia, já que o “pônei de circo” estava de fora.

Após algum período em outra “vibe” na carreira, Barton voltou a falar sobre Neymar em 2018, mais uma vez pelo excesso de publicidade em cima do jogador.

Agora não mais como atleta profissional, o inglês disse que o brasileiro é a “Kim Kardashian do futebol”, comparando o atacante com a socialite que protagoniza um reality show com a família.

Vale lembrar que Neymar vive uma temporada de 2019 para se esquecer, já que as notícias extra-campo dominam o dia a dia do brasileiro, que pouco jogou no ano.

Por onde anda?
O aniversariante Barton atualmente é o treinador do Fleetwood Town, time da League One da Inglaterra, competição equivalente à terceira divisão nacional.

O ex-volante encerrou a carreira em 2017 pelo Burnley, que atualmente disputa a Premier League.

Segundo o site O Gol, foram 436 jogos como atleta profissional e 37 gols. O clube que mais vestiu a camisa foi o Manchester City, com 153 jogos. Como treinador, está em sua segunda temporada. Em 2019/2020 foram sete jogos e três vitória sob o comando do Fleetwood.

Leia mais:
“Sofrimento” de Neymar por sua permanência no PSG é ironizado nas redes sociais