Fórmula 1: veja os resultados ao final da temporada europeia

Conheça os principais números da Fórmula 1 e quem mais se destacou até aqui no campeonato mundial de 2019

Carlos Henrique Correia
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Lars Baron/Getty Images

A principal categoria do automobilismo mundial, Fórmula 1, começou no dia 14 de março. O primeiro treino livre foi realizado no circuito de Albert park, na Austrália. Logo no início, a Mercedes já mostrava para que veio. Lewis Hamilton foi absoluto no primeiro, segundo e terceiro treino livre, e no classificatório não foi diferente, pole position para o inglês. Mas na largada da corrida, Valtteri Bottas ultrapassou o pentacampeão e sobrou conquistando a primeira vitória no ano e a dobradinha da Mercedes.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

Os números mostram uma primeira parte de temporada avassaladora para a equipe alemã, foram 12 vitórias em 16 provas. Fora os pilotos da Mercedes, os únicos que venceram em 2019, foram: Max Versttapen e Charles Leclerc, cada um com duas vitórias. Lewis Hamilton continua como a principal estrela do automobilismo mundial, venceu oito vezes.

Em 2019, o líder do campeonato é justamente quem mais andou na frente, ao todo, o piloto completou 353 voltas como o primeiro colocado, seguido por Charles Leclerc, que foi líder em 207 voltas. Valtteri Bottas vem logo atrás com 111 voltas sendo o primeiro colocado. Max Verstappen andou na frente em 99 voltas e Sebastian Vettel conseguiu ser o primeiro em 73 voltas.

Isso mostra como a atual temporada tem se mostrado competitiva. Charles Leclerc é uma das ótimas surpresas. Começou o ano como segundo piloto da Ferrari mas já se tornou a principal aposta da equipe, pois está andando melhor do que seu companheiro, o tetracampeão Sebastian Vettel.  Após 14 provas, o monegasco se encontra à frente do alemão na classificação, que apesar de ter cruzado a linha de chegada em oito oportunidades a frente de Leclerc, não venceu ainda em 2019.

Grid de largada

Para conseguir mais chances de vitória, sair bem no grid de largada é fundamental. Nos treinos livres e classificatórios o desempenho da Mercedes tem sido extraordinário. Até o momento, a disputa tem sido acirrada também na briga pela pole position entre os companheiros Hamilton e Bottas. O inglês conseguiu quatro pole positions e largou mais seis vezes em segundo lugar. Já o finlandês teve o mesmo número de poles do pentacampeão mundial e mais quatro vezes foi o segundo colocado.

A briga na Ferrari é um pouco mais desequilibrada, Charles Leclerc já conseguiu sair no primeiro lugar em quatro oportunidades, mas nunca foi o segundo colocado. Seu companheiro de equipe, foi pole em uma oportunidades e o segundo em mais duas.

Apesar de ser o terceiro colocado na classificação geral, Max Verstappen conseguiu apenas uma pole e por duas vezes largou em segundo. É o único piloto no meio da disputa entre italianos e alemães, já que seu companheiro de equipe, Pierry Gasly, quase nunca figura entre os primeiros colocados e teve sua melhor performance em Silverstone, Grã-Bretanha, terminando a prova em quinto colocado.

Números da classificação até o momento

Após 14 provas no ano, apenas cinco pilotos continuam com chances de título. O inglês e líder do campeonato, Lewis Hamilton soma 284 pontos, oito vitórias e 12 pódios. Seu companheiro de equipe, Valtteri Bottas conta com 221 pontos, duas vitórias e 11 pódios. Logo atrás vem Max Verstappen, com 185 pontos, duas vitórias e cinco pódios. Para fechar a lista dos pilotos que ainda podem conquistar o mundo em 2019, aparece a dupla da Ferrari, primeiro Charles Leclerc com 182 pontos, duas vitórias e sete pódios. O quinto colocado é Sebastian Vettel, que ainda não venceu em 2019, mas soma 169 pontos e seis pódios.

Surpresas no pódio

Apesar da disputa pelo pódio não sair muito das mãos dos líderes do campeonato, a temporada de 2019 já contou com algumas surpresas. No GP da Alemanha, por exemplo, Daniil Kvyat conseguiu cruzar a linha de chegada em terceiro lugar, conquistando pontos importantes para a Toro Rosso.

Em evolução

Equipes importantes como a famosa McLaren, estão voltando a ter um bom desempenho na pista. Em 2019, Lando Norris e Carlos Sainz já conquistaram 83 pontos, o que da o quarto lugar no campeonato de construtores para os britânicos.

A Renault, de Daniel Ricciardo, vem logo atrás e soma 65 pontos. 35 conquistados pelo australiano e 31 foram somados por Nico Hulkenberg.

Decepção na Fórmula 1

A Willians, de tantos títulos mundiais, não rende na pista. Figura na última colocação do mundial com apenas um ponto conquistado.

LEIA MAIS

Max Verstappen comenta sobre possível parceria com Charles Leclerc