Jorge Jesus avalia chances de Neymar ser o melhor do mundo: “Se o chip da cabeça não mudar, não vai chegar lá”

Treinador do Flamengo falou sobre a possibilidade de Neymar alcançar o tão sonhado objetivo individual

Bruno Romão
23 anos, estudante de Jornalismo, amante da escrita, natural de Campina Grande (PB) e um completo apaixonado por futebol. Contato: bruno.romao.nascimento@gmail.com

Crédito: Lucas Figueiredo/CBF

Em entrevista ao ”Esporte Espetacular”, da ”TV Globo”, Jorge Jesus emitiu seu parecer sobre a atual situação do craque brasileiro. Para o ”Mister”, ele necessita ter foco em sua carreira, deixando fatores extra-campo de lado, e apenas focar em seu desempenho dentro dos gramados. Sendo assim, caso contrário, o camisa 10 do PSG nunca será o melhor jogador do mundo.

Para o comandante português, Neymar precisa se inspirar em Cristiano Ronaldo. Já que o português é um exemplo de profissionalismo, sua performance dentro das quatro linhas sempre é sua prioridade.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

“Ou ele vai mudar ou não vai chegar lá. Se o chip da cabeça dele não mudar, ele não vai chegar lá. Entre o prazer e a paixão do jogo, e o prazer de ter outras coisas fora do jogo, o que é mais importante? Se esta última for mais forte, ele nunca vai ser o melhor. É isso que o Ronaldo tem: o prazer e uma paixão que é muito mais forte do que os outros prazeres fora do jogo”, declarou.

Jorge Jesus também falou sobre os melhores que viu jogar, exaltando seu compatriota.

“Eu nunca vi jogar Pelé, Puskás ou Garrincha. Vi jogar Maradona nos seus últimos anos, mas o Messi e o Ronaldo são os extraterrestres. Com estilos diferentes, mas ambos fora do normal. Está para chegar o fim deles, como é óbvio, e não sei quem foi o melhor.. O Maradona foi super, mas o meu ídolo foi Cruyff. Messi também é super, tal como Ronaldinho Gaúcho ou Neymar. Ele podia chegar a esse patamar se tivesse a formação e a cabeça do Ronaldo”, completou.

LEIA MAIS