Jorge Jesus revela que brasileiros têm fama de preguiçosos na Europa: “Se junta quatro, falam que é um time de samba”

Em grande fase no Flamengo, o treinador português revelou a visão negativa dos europeus sobre os jogadores brasileiros

Rafael Brayan
Apaixonado pelo estudo do esporte mais praticado no mundo.

Crédito: Alexandre Vidal / Flamengo

O Flamengo vem agradando os fãs de futebol no Brasil sob o comando de Jorge Jesus na equipe rubro-negra. O treinador português chegou a pouco tempo, mas se encantou com os atletas da equipe carioca. Por outro lado, em entrevista ao Esporte Espetacular neste domingo (8), o comandante revelou que os europeus têm uma visão diferente dos jogadores brasileiros.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

Acompanhe as notícias do seu time pelo Facebook

“Na Europa existe e ideia de que o jogador brasileiro não gosta de trabalhar. Vou dizer um ditado em Portugal: se você tem na sua equipe mais de quatro jogadores brasileiros, está fazendo um time de samba. Essa é a ideia sobre o jogador brasileiro. Eu vim ver, e minha observação é totalmente ao contrário. São totalmente profissionais e têm consciência do que fazem”, revelou Jorge Jesus.

O treinador do Flamengo também falou sobre a diferença dos atletas brasileiros e dos jogadores nascidos na Europa. Apesar das críticas, afirmou que os profissionais do Brasil respeitam mais que os do Velho Continente.

“A diferença é se o jogador é mais ou menos profissional. É mais difícil trabalhar na Europa… Este elenco do Flamengo me surpreendeu muito no que é ter profissionalismo, no que é ser apaixonado. Eles têm prazer de trabalhar. Na Europa é mais complicado, eles querem ter direitos, querem se sobrepor à liderança do treinador. Aqui no Brasil eles têm mais respeito, e isso torna mais fácil”, comentou Jorge Jesus.

LEIA MAIS:

Jorge Jesus se encanta com promessa do Flamengo e o compara com Kaká

Renato elogia Grêmio após goleada e manda recado ao Flamengo: “Não começamos a jogar bem agora”