Palmeiras vence Goiás na estreia de Mano; veja a análise da imprensa

De virada, Palmeiras bateu o Goiás e venceu a primeira no Brasileirão pós-Copa América

Matheus Henrique Vieira Ramos
Estudante de Jornalismo. Setorista no Torcedores.com do Santos e Botafogo.

Crédito: Foto: Reprodução

Na noite de sábado, o Palmeiras venceu o Goiás por 2 x 1 e pulou para o terceiro lugar do Brasileirão Série A, com 33 pontos. O duelo diante do Esmeraldino marcou a estreia de Mano Menezes como treinador do Alviverde de Palestra Itália.

Veja a análise da imprensa:

Gian Oddi (ESPN Brasil): para o Mano Menezes, a vitória do jeito que foi não poderia ser melhor. Não só porque o Palmeiras volta a vencer depois de tanto tempo, não só apenas por ter conseguido sua primeira virada na competição, coisa que o Felipão não tinha conseguido, mas também pelo Mano ter tido méritos na vitória.

Blog do Benja: Mano Menezes começou com uma vitória de virada, sofrida, suada e no finalzinho do jogo, ou seja, todos os ingredientes que dão muita moral nesse seu início de trabalho.

Paulo Nunes (SporTV): foi um jogo que se não teve muita qualidade, criatividade, teve muita intensidade, luta dos jogadores. O Palmeiras teve mais posse de bola, domínio da partida, com jogadas de muita movimentação. O Palmeiras começou muito bem, mas falta ainda o jogador que possa desequilibrar. Acho que o Palmeiras mereceu a vitória. Não era tão importante a performance, o mais importante eram os três pontos, para dar confiança aos jogadores, ao treinador que está chegando e, especialmente, ao torcedor.

Alexandre Praetzel: o Palmeiras não fez um primeiro tempo ruim, até teve algumas oportunidades, mas acabou levando um gol de Rafael Vaz, em um chute de longe. No segundo tempo, depois de muita insistência, o Palmeiras conseguiu igualar o placar, que já era merecido pela circunstância da partida. A expulsão do Lucas Lima prejudicou o Palmeiras, que perdeu um pouco de força e o jogo ficou mais equilibrado. Mas, o Palmeiras não desistiu em nenhum momento de tentar a vitória, mesmo com um jogador a menos, e em um arremesso lateral de Marcos Rocha e toda confusão na área para Gustavo Scarpa fazer o gol da virada.

LEIA MAIS: Imprensa analisa vitória do líder Flamengo sobre o Avaí; veja as opiniões

Felipe Melo ‘surta’ com vitória do Palmeiras de virada nos minutos finais: “Deus é bom, caramba”