Autor dos três gols na vitória do Palmeiras sobre o Fluminense, Luiz Adriano é o brasileiro com mais hat-tricks na história da Champions

O camisa 10 do Palmeiras soma três hat-tricks pelo Shakhtar Donetsk na Champions League, maior marca entre brasileiros na competição continental

Luis Felipe Pereira
Colaborador do Torcedores

Crédito: Divulgação/ Palmeiras facebook oficial

A vitória do Palmeiras por 3 a 0 diante do Fluminense no Allianz Parque nesta terça-feira (10) teve um destaque indiscutível: Luiz Adriano. O atacante marcou os três gols do triunfo alviverde sobre os cariocas, em jogo atrasado da décima sexta rodada do Brasileirão. O que poucos sabem é que o camisa 10 do Verdão é especialista quando o assunto é anotar hat-tricks, somando três na Champions League, maior marca entre brasileiros na história da competição europeia, à frente de nomes como Neymar, Ronaldo e Rivaldo.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

Recordista na Champions

O maior artilheiro da história do Shakhtar Donetsk alcançou o feito quando atuava pelo clube ucraniano, em diferentes edições da Liga dos Campeões. O primeiro hat-trick veio na fase de grupos da temporada 2012/13, na goleada por 5 a 2 sobre o Nordsjælland, da Dinamarca, em confronto que também contou com dois gols do brasileiro Willian, atualmente no Chelsea.

A principal vítima de Luiz Adriano na Champions foi o BATE Borisov, da Bielorrússsia, que sofreu com hat-tricks do brasileiro em dois jogos na mesma edição do torneio continental. No primeiro confronto entre as equipes, pela fase de grupos da temporada 2014/15, o hoje atleta do Palmeiras balançou as redes cinco vezes (a partida terminou com o placar de 7 a 0 a favor do Shakhtar), enquanto no jogo do “returno”, anotou outros três tentos, na vitória por 5 a 0, na Ucrânia.

A primeira partida contra o BATE também colocou o atacante como único jogador, além de Lionel Messi, a anotar cinco gols em uma mesma partida de Champions League. No ranking de brasileiros com maior número de hat-tricks, Luiz Adriano é seguido por: Neymar e Adriano (com dois hat-tricks cada) e Philippe Coutinho, Grafite, Jadson, Gabriel Jesus, Kaká, Rivaldo, Ronaldo, Ronaldinho Gaúcho e Romário, que marcaram três gols em um mesmo jogo na Liga dos Campeões uma vez cada um.

Levando em consideração outras competições, o centroavante do Verdão balançou as redes adversárias por três vezes também pela Taça da Ucrânia, na vitória por 6 a 0 contra o Kryvbass, em 2011.

LEIA MAIS:

Felipe Melo diz que Mano Menezes tem ‘DNA vencedor’ e elogia Felipão: “O treinador mais vencedor do Brasil”