Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Brasil estreia com vitória sobre a Sérvia na Copa do Mundo de Vôlei Feminino

Brasileiras que buscam o título inédito na Copa do Mundo superaram as atuais campeãs mundiais no  tie-break.

Bárbara Ribeiro
Colaboradora do Torcedores.com.

Crédito: volleyballworld

O Brasil estreou com a mão direita na Copa do Mundo no Japão. Na manhã deste sábado (14.09), a equipe verde e amarela descambou a atual tricampeã europeia em uma disputa acirrada por 3 sets a 2 (25/20, 23/25,25/18,22/25 e 15/12).

Logo no início do set, as brasileiras dominaram as ações do jogo. Gabi abriu o placar para o Brasil que saiu na frente por 6 a 2. A Sérvia tentou buscar o placar com o bloqueio, porém em ótimo saque de Gabi e com o apoio Macris e Fabi o time verde e amarelo fechou o primeiro set por 25 a 20.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

A seleção feminina teve muito trabalho em quadra. Apesar da falta de suas grandes estrelas, a Sérvia entrou com uma equipe ameaçadora que contou com Ana Bjelica e Bianka Busa que levaram a melhor no segundo e quarto set.

No final já no tie-break as brasileiras dispararam na frente por 4 a 0. Lorenne, destaque do time verde amarelo na partida, assumiu o protagonismo no set final, com um bloqueio colocou o Brasil na frente. A decisão veio em um lance polêmico e um pedido de desafio, mas melhor para a Seleção que fechou por 15 a 12. Batendo as Sérvias por 3 sets a 2.

Agora as brasileiras terão pela frente a Argentina no domingo, às 5h (de Brasília). Posteriormente, o time verde amarelo enfrentará na competição Holanda, Quênia e Estados Unidos em seus outros desafios em Hamamatsu.

Depois disso, as brasileiras encaram na sequencia China, República Dominicana e Japão em Sapporo. Além disso, fecham a participação no torneio na cidade de Osaka contra Camarões, Coreia do Sul e Rússia. O último desafio diante das russas, será no próximo dia 29, às 2h (Horário de Brasília).

Brasil na Copa do Mundo de Vôlei Feminino

A Copa do Mundo é importante na divisão dos grupos das Olimpíadas de Tóquio. Embora, o torneio não seja classificatório para os Jogos Olímpicos, é essencial ter para garantir uma boa pontuação no ranking.  O Brasil briga pela conquista de um título inédito e a última vez que disputou uma final da Copa do Mundo foi em 2007 contra a Itália.

O técnico José Roberto Guimarães convocou as levantadoras Macris e Roberta, as opostas Sheilla e Lorenne. Além das ponteiras Gabi, Drussyla, Amanda e Gabi Cândido, as centrais Bia, Mara, Carol e Fabiana e as líberos Léia e Camila Brait.

A Copa do Mundo de Vôlei Feminino marca o retorno da oposta Sheilla, da central Fabiana e da líbero Camila Brait. As três não jogam uma partida pelo Brasil desde 2016.

Fim da era José Roberto Guimarães?

Esta última competição do ano para a seleção de José Roberto Guimarães que deve deixá-la em 2020. Em entrevista ao programa “Bem, Amigos”, no dia 5 de agosto, o técnico da seleção feminina disse que Olimpíada de Tóquio será a última da carreira à frente da equipe.

Na entrevista José Roberto falou sobre o trabalho realizado nos últimos anos. “Já estou há 16 anos na seleção feminina. Acho que é hora de outro técnico tocar esse trabalho. Estamos investindo bem na nossa base, temos uma geração vindo aí para 2024 e 2028 muito boa, ” afirmou.

Embed from Getty Images

Agenda Seleção Feminina de vôlei

  • Hamamatsu (Japão)

14.09 (SÁBADO) – Brasil x Sérvia, às 5h
15.09 (DOMINGO) – Brasil x Argentina, às 5h
16.09 (SEGUNDA-FEIRA) – Brasil x Holanda, às 5h
18.09 (QUARTA-FEIRA) – Brasil x Quênia, às 6h
19.09 (QUINTA-FEIRA) – Brasil x Estados Unidos, às 6h

  • Sapporo (Japão)

22.09 (DOMINGO) – Brasil x China, às 3h
23.09 (SEGUNDA-FEIRA) – Brasil x República Dominicana, às 0h30
24.09 (TERÇA-FEIRA) – Brasil x Japão, às 7h20

  • Osaka (Japão)

27.09 (SEXTA-FEIRA) – Brasil x Camarões, às 2h
27.09 (SEXTA-FEIRA) – Brasil x Coréia do Sul, às 23h
29.09 (DOMINGO) – Brasil x Rússia, às 2h

Todos os jogos da seleção brasileira de vôlei feminino têm transmissão ao vivo no SporTV2. Os horários são de Brasília.

Leia mais:

Brasil se prepara para Mundial de Vôlei Feminino

Cimed abandona CBV e CBB a menos de um ano para Tóquio-2020
Vôlei Masculino: Brasil bate o Chile na semi e vai à final no Sul-Americano