Amanda Nunes incentiva jogadoras da categoria de base do futebol feminino

Amanda Nunes está de passagem pelo Brasil e visitou o Centro Olímpico de São Paulo. Na oportunidade, ela chegou a relembrar um antigo sonho de ser jogadora de futebol

Jéssica De Paula Alves
Jornalista amapaense migrada em Belo Horizonte (MG). Nascida em março de 1990, é gremista e adora esportes desde a infância. Faixa branca em jiu-jitsu, também é fã de rock e ama unir suas paixões.

Crédito: Reprodução/Twitter

Na quarta-feira (9), a campeã dos pesos pena e galo do UFC Amanda Nunes aproveitou sua passagem no Brasil para visitar o Centro Olímpico de São Paulo. Lá ela conservou com jogadoras da categoria de base do futebol feminino e incentivou as futuras jogadoras.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

De acordo com o site Terra, na ocasião, ela relembrou um sonho de infância: ser jogadora de futebol. Após o bate-papo, ela jogou bola com as garotas das categorias sub-11 e sub-15 do local.

“Assim como vocês, eu também comecei a minha carreira no esporte pelo futebol. Eu cresci jogando futebol e pensei que seria jogadora. Eu realmente acreditava nisso. Mas a vida me mostrou outros caminhos e depois de conhecer o jiu-jítsu acabei indo por um caminho totalmente diferente”, contou Amanda.

Amanda Nunes, que garantiu o feito de ser a primeira mulher com dois títulos no UFC, aproveitou para incentivar garotas de 11 a 15 anos. Assim, a lutadora carregava junto com ela os famosos cinturões do UFC, ambos protegidos por uma capa, que quando foram retiradas surpreenderam todas as crianças.

Cinturão

Para euforia das atletas, todas puderam segurar os símbolos dos títulos do UFC e tirar fotos ao lado da lutadora. “O cinturão é muito bonito e pesado. Eu peguei ele e até coloquei na minha cintura”, disse Maria Eduarda dos Santos, de 12 anos.

Contudo, Amanda arriscou alguns passes de bola com a equipe. As garotas, que passaram metade do treinamento ao lado da lutadora, aproveitaram parar exibir habilidade e muitas delas se arriscaram até nas embaixadinhas para surpreender a convidada especial.

Amanda chegou no Brasil no último domingo e retornou para os Estados Unidos, onde tem residência fixa, na quarta-feira. Posteriormente, ela se prepara para colocar em jogo o seu cinturão da categoria dos galos contra a holandesa Germaine de Randamie, em 14 de dezembro, no UFC 245, em Las Vegas.

LEIA MAIS

Amanda Nunes coloca ponto final em polêmica com Jéssica Andrade: “Questão de conversa”