Bottas comanda segundo treino da F1 no Japão

Finlandês liderou nova dobradinha da Mercedes no TL2 em Suzuka

Leonardo Marson
Jornalista com passagens pelas revistas Racing e House Mag.

Crédito: SUZUKA, JAPAN - OCTOBER 11: Valtteri Bottas driving the (77) Mercedes AMG Petronas F1 Team Mercedes W10 on track during practice for the F1 Grand Prix of Japan at Suzuka Circuit on October 11, 2019 in Suzuka, Japan. (Photo by Clive Mason/Getty Images)

Valtteri Bottas foi o piloto mais rápido do segundo treino livre para a realização do Grande Prêmio do Japão de Fórmula 1. Na atividade realizada na madrugada desta sexta-feira (11) no circuito de Suzuka, o piloto da Mercedes, líder do primeiro treino do dia, dominou também o segundo exercício no traçado nipônico, marcando em seu melhor giro foi em 1min27s785, liderando o dia.

href=”https://www.youtube.com/channel/UC9VPQfwARGDgEApqiCJ-Gsg”>Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

A segunda posição ficou com Lewis Hamilton, que mais uma vez completou o 1-2 da Mercedes em Suzuka, desta vez distante 0s100 do tempo obtido por Bottas. Max Verstappen colocou a Red Bull na terceira colocação da folha de classificação, sendo seguido pelos dois pilotos da Ferrari, equipe que viu Charles Leclerc marcar o quarto tempo, e Sebastian Vettel, quinto mais rápido.

Alexander Albon, com a Red Bull, terminou a sessão na sexta posição, ficando à frente de Carlos Sainz, que colocou a McLaren na sétima posição. Sergio Pérez marcou o oitavo melhor tempo da atividade com a Racing Point, enquanto Lando Norris, da McLaren, foi o nono. A lista dos dez mais rápidos ainda contou com Kimi Räikkönen, piloto que defende a Alfa Romeo.

Por conta da grande possibilidade de o tufão Hagibis atingir o circuito de Suzuka, a próxima atividade da Fórmula 1 acontecerá apenas na noite de sábado (12), a partir das 2h, quando acontece a classificação. O Grande Prêmio do Japão será disputado no domingo (13), a partir das 2h10, e contará com transmissão da TV Globo, do portal GloboEsporte.com e da rádio Band News FM.

Confira como foi o treino

A segunda sessão de treinos livres para o Grande Prêmio do Japão de Fórmula 1 começou pontualmente às 2h, pelo horário de Brasília, com um clima bem mais ameno em relação a primeira atividade: 27°C de temperatura ambiente, e 33°C no asfalto. Por ser o último ensaio do final de semana, já que o terceiro exercício, marcado para o sábado (12), foi cancelado, muitos pilotos partiram imediatamente para a pista.

O primeiro piloto a partir para uma volta rápida foi Sebastian Vettel, que marcou 1min30s386 em seu giro inicial, tempo que melhorou pouco depois. Alexander Albon, da Red Bull, e Carlos Sainz, da McLaren, se colocaram na primeira posição, até serem batidos por Valtteri Bottas, que anotou 1min29s469 com a Mercedes, deixando Lewis Hamilton com a segunda posição.

Quem marcou uma boa volta foi Daniel Ricciardo, que colocou a Renault na quarta colocação, atrás dos dois pilotos da Mercedes e de Albon, terceiro com a Red Bull. Charles Leclerc, com a Ferrari, foi à pista com 20 minutos de sessão, atitude seguida por Max Verstappen, com a Red Bull, um minuto depois. Vettel, com os pneus macios, tomou a ponta do treino ao marcar 1min28s392.

Verstappen pulou para a segunda posição na classificação, atrás 0s065 de Vettel. No complemento da primeira meia hora da atividade, Bottas rodou na última curva do circuito, retornando à pista momentos depois. Quem avançou muito na classificação foi Daniil Kvyat, quarto com a Toro Rosso. Pouco depois, Hamilton tomou a primeira posição ao registrar 1min27s896.

Leclerc veio para sua primeira volta rápida com os pneus macios, e fez o quarto tempo, ficando atrás das Mercedes e de Vettel. Já Verstappen acertou ótima volta para se colocar 0s179 atrás de Hamilton, marcando o segundo tempo. Hamilton melhorou ainda mais sua marca, mas viu Bottas cravar 1min27s785 para tomar a liderança na folha de tempos em Suzuka.

No complemento do segundo terço da sessão, Kimi Räikkönen colocou a Alfa Romeo na décima colocação da folha de tempos. Na sequência, os pilotos passaram a trabalhar nas simulações de corrida, o que não impediu que Hamilton escapasse da pista. A sessão prosseguiu com Leclerc apenas na sexta colocação na tabela de tempos para a etapa japonesa do Mundial.

Ainda houve tempo para que Leclerc marcasse o quarto tempo da sessão, enquanto Bottas fechou o treinamento na liderança.

Foto: Getty Images