Bruno Peres cita motivos para insucesso durante passagem pelo São Paulo

Lateral deixou o tricolor para defender as cores do Sport na sequência da temporada

Luiz Felipe Longo
Colaborador do Torcedores

Crédito: Anderson Stevens/Sport

Bruno Peres saiu do São Paulo sem deixar muita saudade aos torcedores. Apresentado como reforço do Sport, o lateral-direito apontou qual foi o maior empecilho encontrado durante a passagem pelo time paulista.

Futebol de graça e ao vivo por 1 mês? Conheça o DAZN Brasil!

“Existem muitos fatores (para eu não ter dado certo). Eu estava fora há muito tempo, não tive tempo para me readaptar. Eles (tricolor) me deram todo suporte, mas demorei a engrenar”, afirmou o lateral.

Além disso, Bruno também apontou a troca de treinadores como outro motivo do insucesso no São Paulo. Ele esteve no Morumbi entre julho de 2018 e setembro de 2019. Nesse período, passaram pelo clube: Diego Aguirre, André Jardine, Vagner Mancini e Cuca.

“Teve isso de troca de técnico, às vezes é normal que não encaixe no estilo de jogo que ele joga, mas mesmo jogando pouco. Ainda acho que agreguei de alguma forma”, completou o ex-jogador do tricolor e agora do Sport.

Depois da passagem pelo São Paulo, Bruno agora concentra atenções para o time pernambucano. A estreia no novo clube deve acontecer nesta sexta-feira (11), quando o Leão recebe o São Bento, às 19h (de Brasília), na Ilha do Retiro, pela Série B.

LEIA MAIS
APÓS SAÍDA DE MANCINI, SÃO PAULO NÃO PRETENDE CONTRATAR UM NOVO COORDENADOR TÉCNICO