Conmebol lança campanha contra a violência às vésperas das semifinais da Libertadores

Um dia antes do início das semifinais da Copa Libertadores da América, a Conmebol lançou a campanha “O futebol é um jogo, a violência não”

Gabriel Dias
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Conmebol / Divulgação

A Conmebol lançou na segunda-feira, 30, a campanha “O futebol é um jogo, a violência não”, com o objetivo de promover a paz nos estádios. O lançamento da campanha aconteceu um dia antes do início das semifinais da Copa Libertadores da América.

Brasileirão Série C, Copa Sul-americana e os campeonatos Italiano, Francês, Japonês e Norte-americano. Experimente o DAZN Brasil de graça por 1 mês!.

A campanha traz a marca da Copa Libertadores e da Copa Sul-Americana, e deverá ser divulgada nos estádios, veículos de comunicação e redes sociais.

Nesta terça-feira, 1º, River Plate e Boca Juniors entra em campo no primeiro jogo da semifinal da Copa Libertadores. As equipes argentinas voltam à se enfrentar na competição após o trágico episódio de violência, quando o ônibus do Boca foi apedrejado por torcedores do River, causando o cancelamento da partida no estádio Monumental de Núñez.

A decisão acabou acontecendo no Santiago Bernabéu, em Madrid, onde o River Plate venceu a partida por 3 a 1 e se tornou o atual campeão continental.

Na quarta-feira, 2, acontece o outro confronto da semifinal da Libertadores entre Grêmio e Flamengo, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. Os jogos da volta estão marcados para os dias 22 e 23 deste mês.

A decisão da Copas Libertadores será disputada pela primeira vez em jogo único, o palco escolhido foi estádio Nacional de Santiago, no Chile, que deverá receber os finalistas no dia 23 de novembro.

No dia 11 de novembro deverá acontecer a final da Copa Sul-Americana com o confronto entre Colón e Independiente Del Valle no estádio La Olla Azulgrana.

Leia mais sobre a Libertadores:

Revanche na Libertadores: Confira seis motivos para acreditar na vitória do Boca Juniors

Imprensa argentina se mostra ansiosa para mais uma “partida histórica” entre Boca x River

FIFA anuncia que final do Mundial de Clubes será em estádio que ainda não foi inaugurado