Contrato de pay-per-view do Palmeiras com a Globo irá mudar em 2020, diz blog

Acordo entre Palmeiras e Grupo Globo, que prevê o pagamento mínimo de R$ 80 milhões, é válido apenas para esta temporada

Danielle Barbosa
Colaboradora do Torcedores.com.

Crédito: Reprodução/Twitter

Depois de um longo período de negociação, o Palmeiras chegou a um acordo com o Grupo Globo pelos direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro para pay-per-view e TV aberta. O clube negociou até conseguir condições mais vantajosas em seu contrato, entre elas a garantia de um valor mínimo de R$ 80 milhões no acordo de PPV. De acordo com o blog do Rodrigo Mattos, no entanto, esse montante só é válido para este ano.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Ainda segundo a publicação, a partir de 2020 a renda do Palmeiras no PPV irá depender do percentual de torcedores palmeirenses cadastrados como assinantes do pacote. Apesar disso, o clube tem um mecanismo para romper o acordo se não for atingido um patamar mínimo de renda, ou seja, os jogos da equipe sairiam do pacote até uma renegociação.

Acompanhe as notícias do seu time pelo Facebook

O Palmeiras terá que esperar os resultados da Globo com dados dos assinantes válido para 2020 para saber se haverá ou não queda de dinheiro de TV para o próximo ano. De acordo com o blog, para conseguir manter seus ganhos atuais, o Palmeiras “terá de atingir 12% neste levantamento, isto é, ter um crescimento em relação à atual temporada”.

O clube alviverde chegou a ficar alguns jogos do início do Campeonato Brasileiro sem transmissão alguma na TV, como as partidas contra CSA e Atlético-MG, ambos fora de casa. Além disso, teve os jogos contra Fortaleza e Internacional, disputados no Allianz Parque, transmitidos só pela TNT/Esporte Interativo, com que assinou contrato de transmissão para TV fechada.

LEIA MAIS:
Globo comete gafe em jornal e coloca Palmeiras com escudo da seleção brasileira