Copa do Mundo de Rugby 2019: rooker uruguaio é o quinto jogador afastado da competição

Facundo Gattas recebeu três jogos de punição após entrada violenta em jogador georgiano

André Zanete
Jornalista com um pé no design gráfico, apreciador de uma boa cerveja, fotografo nas horas vagas e um eterno estudante da vida (profundo, eu sei).

Crédito: Stu Forster/Getty Images

Durante o confronto entre Uruguai e Geórgia, pelo Grupo D, o jogador de 24 anos foi advertido pelo árbitro inglês Wayne Barnes com um cartão vermelho após um perigoso tackle alto no jogador adversário.

Segundo informações da World Rugby, Gattas ainda tentou reverter a punição em uma audiência disciplinar nesta terça-feira, mas a decisão do árbitro inglês foi mantida.

Com a punição mantida, o uruguaio perderá os os próximos dois jogos de seu país na competição, contra Austrália e Gales.

A World Rugby tem sido muito rigorosa com a questão de tackles alto, tendo afastado cinco jogadores até o momento. Gattas se junta ao australiano Reece Hodges, aos samoanos Rey Lee-Lo and Motu Matu’u, e ao americano John Quill, este último já retornou para os Estados Unidos.

Para aqueles que não se lembram, Quill recebeu três semanas de suspensão após atingir com o ombro a cabeça do inglês Owen Farrell.

LEIA MAIS

Copa do Mundo de Rugby 2019: Os rituais que roubam a cena antes dos jogos

All Blacks retorna à primeira posição do Ranking Mundial de Rugby, confira as movimentações