Corinthians: Carille põe fim na polêmica envolvendo Boselli: “Nossa situação é maravilhosa”

Em entrevista coletiva após o empate com o Athletico Paranaense, o treinador falou sobre a declaração dada pelo atacante argentino

Junior Azevedo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina, fanático por futebol e torcedor do Londrina Esporte Clube

Crédito: Foto: Reprodução/Corinthians

O Corinthians empatou em casa diante do Athletico Paranaense por 2 a 2 e perdeu boa oportunidade de se aproximar dos rivais Santos e Palmeiras. Na entrevista coletiva pós-jogo, o técnico Fábio Carille respondeu as declarações dadas por Boselli na véspera da partida. O comandante corintiano colocou fim na “polêmica” e afirmou que falta peças no elenco para servir melhor os atacantes do clube.

“A nossa relação é maravilhosa. Tive o prazer de ver a coletiva. Falaram mais do que foi. Quando contrataram Boselli, falei com ele por telefone. O clube tentou, Andrés tentou Gabigol, Rodriguinho… Precisamos de jogadores mais agudos, Boselli sabe terminar bem a jogada. Nossa característica de Corinthians. Não conseguimos trazer jogadores para encaixar. Infelizmente, não conseguimos Róger Guedes, Gabigol. Não só eu, mas diretoria também sabe que precisamos buscar mais esse jogador para potencializar o camisa 9”, afirmou Carille.

Futebol de graça e ao vivo por 1 mês? Conheça o DAZN Brasil!

Titular na partida diante do Athletico Paranaense, Mauro Boselli marcou seu sétimo gol com a camisa do Corinthians em 36 partidas. Portanto, o retrospecto do argentina nos últimos jogos é muito bom. O camisa 17 do Timão anotou cinco gols nos últimos sete jogos.

Com 43 pontos, o Corinthians segue na quarta posição do Campeonato Brasileiro. Agora, a equipe se prepara para o clássico Majestoso diante do São Paulo, no Morumbi, em partida que será realizada no próximo domingo (13), às 18 horas (de Brasília).

LEIA MAIS

“Muito difícil”: Carille praticamente rechaça chance de título do Corinthians e pede ‘jogo a jogo’ pelo G-4

Duílio diz que faltou dinheiro para o Corinthians contratar Gabigol, Rodriguinho e Róger Guedes

Palmeiras quer mudar data de jogo contra Corinthians; Globo é empecilho