Repleto de reservas, Corinthians perde para o Bahia no Brasileirão Sub-20

Timão caiu em Pituaçu e viu chances de terminar na liderança do certame ficarem mais remotas

Cido Vieira
Jornalista em formação, e apaixonado por futebol desde criança. No Torcedores.com, trabalho como setorista do Botafogo e futebol nordestino

Crédito: Marcelo Malaquias - Divulgação - EC Bahia

Garantido na próxima fase do Brasileirão Sub-20, o Corinthians acabou sendo derrotado pelo Bahia por 1 a 0 na tarde desta quarta-feira (9). Composto praticamente de reservas, a equipe alvinegra desperdiçou uma boa oportunidade de colar nos líderes. O único tento da partida foi anotado por Thiago, ainda no primeiro tempo de jogo.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

COMO FICA?

Com o resultado negativo, o Timão estaciona nos 38 pontos – um tento a menos em relação ao líder Flamengo que ainda joga na 18ª rodada do certame. Sem nenhuma chance de classificação, o Bahia saltou para os 23 pontos e ocupa a 12ª posição na tabela.

PRÓXIMO COMPROMISSO

Na quarta-feira (16), o Corinthians recebe o Botafogo, às 15h (de Brasília), no Parque São Jorge. Por sua vez, o Tricolor fará sua despedida na competição encarando o Palmeiras, fora de casa, no mesmo dia e horário.

O JOGO

Diante do pouco entrosamento entre os atletas reservas, o Timão encontrou dificuldades para criar jogadas de perigo, tanto que só veio assustar o goleiro rival aos 17 minutos do primeiro tempo, em chute de fora da área com Pereira. Na jogada sequente, os donos da casa inauguraram o marcador.

Em reposição de bola, um desvio no meio deixou Thiago em boas condições. Ele driblou o defensor alvinegro e mandou a bola no ângulo.

Aos 30 minutos, o Corinthians criou a sua melhor chance. Após cobrança de falta, Pereira ficou com o rebote e carimbou a trave do Bahia. A resposta do Bahia foi dada imediatamente, e Diego salvou o segundo tento.

Na segunda etapa de jogo, apesar das modificações o jogo ficou truncado, principalmente em função das paralisações. Fechado na defesa, o Bahia foi responsável pelas principais oportunidades na reta final, mas o placar seguiu inalterado.

LEIA MAIS: