Dirigente diz que “passaram a mão na Chapecoense” contra o Palmeiras e cobra explicações de Gaciba

A Chapecoense foi derrota por 1 a 0, com o gol da derrota sofrido aos 54 minutos do segundo tempo, após o árbitro dar nove minutos de acréscimos

Danielle Barbosa
Colaboradora do Torcedores.com.

Crédito: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação

O vice-presidente de futebol da Chapecoense, Cleimar Spessato, assim como o técnico Marquinhos Santos, também criticou a arbitragem na derrota da equipe para o Palmeiras, nesta quarta-feira (16), no Allianz Parque. Leonardo Gaciba, chefe da comissão de arbitragem da CBF foi o principal alvo das críticas.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

“O Brasil inteiro viu o que aconteceu. Faço um pedido ao Gaciba. As reuniões que faz nos hotéis com os jogadores, por Whatsapp com os membros da diretoria da Chape. Queria que se pronunciasse ao vivo na TV para explicar esse tipo de atitude dos juízes. Ele falar em off é uma coisa, agora vir à TV e falar o que está acontecendo… Passaram a mão na Chapecoense.”

“Nós não concordamos, mas o resultado está aí. O Palmeiras não precisa destes dois pontos. O Palmeiras ia se recuperar ali na frente, mas para nós fez uma diferença muito grande. Vamos atrás de nosso objetivo que é ficar na Série A”, completou.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Em situação complicada na tabela de classificação, onde ocupa a última colocação, com 16 pontos conquistados. A equipe tem um a menos que o Avaí, que ainda jogo na rodada. No próximo domingo (20), às 19h (horário de Brasília), a equipe enfrenta o Goiás, no Serra Dourada.

LEIA MAIS:
Felipe Melo dedica gol da vitória do Palmeiras contra a Chapecoense a Alexandre Mattos e Bolsonaro