Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

No último dia do Grand Slam de Abu Dhab, Maria Suelen Altheman fatura o bronze

Judoca garantiu o terceiro lugar, na categoria +78kg, com uma vitória por ippon

Bárbara Ribeiro
Colaboradora do Torcedores.com.

Crédito: FIJ/Divulgação

No último dia do Grand Slam de Abu Dhabi, o Brasil conquistou a segunda medalha no torneio com Maria Suelen Altheman (+78kg). A judoca venceu Lisa Ceric, da Bósnia, por ippon na decisão da medalha. Além dela, Rafael Buzacarini, também entrou no tatame na disputa até 100kg, mas parou nas oitavas.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

Siga o Torcedores também no Instagram

A judoca do Brasil, começou a bem a competição. Venceu Tessie Savelkouls, da Holonda, nas punições (shidos). Logo depois descambou Gabriella Wood de Trinidad e Tobago por um ippon, em menos de um minuto de luta. Nas quarta-feira, a brasileira reviveu a final do Grand Slam de Ecaterimburgo deste ano, contra a francesa Anne Fatoumata Bairo. No duelo Maria Suelen abriu vantagem com um waza-ari, mas sofreu um revés da adversária e foi derrotada por um ippon seguindo para a repescagem.

A recuperação de Maria Suelen Altheman veio com a vitória diante da bielorussa Maryna Slutskaya por um ippon. O resultado garantiu a judoca do Brasil a briga pelo bronze contra Lisa Ceric.

Na briga pelo bronze, a brasileira foi dominante e aplicou um lindo ippon com um minuto e vinte segundos. Esta é a sexta medalha de Maria Suelen Altheman na temporada 2019. Este ano, ela subiu no topo do pódio no Grand Slam de Ecaterimburgo. Além disso, faturou a prata no Grand Slam de Brasília e no Campeonato Pan-Americano. As medalhas de bronze vieram no Grand Slam de Düsseldorf e no Aberto Europeu de Oberwart.

Neste sábado, Rafael Buzacarini também representou o Brasil na competição. Ele estreou contra Aaron Fara, da Austria e venceu por um ippon. Em seguida, pelas oitavas foi dominado por Arman Adamian, da Rússia. Na luta o adversário forçou um shido no judoca brasileiro, e com um waza-ari avançou no torneio.

Após o Grand Slam de Abu Dhabi, o próximo desafio do Judô do Brasil será o Perth Oceania Open, na Austrália. O evento acontece nos dias 3 e 4 de novembro.

Leia mais:

Ketleyn Quadros é bronze no Grand Slam de judô em Abu Dhabi