Das escolinhas de Rondônia à Libertadores: conheça Millene, destaque que pode ajudar o Corinthians na conquista do torneio

Atacante do Corinthians é uma das peças importantes para o time

Tayna Fiori
Colaborador do Torcedores

Crédito: Bruno Teixeira/Corinthians

Quando se fala em recordes no futebol feminino, um time vem na cabeça: Corinthians. E um dos destaques deste time é Millene Fernandes, que sonha com a conquista da Libertadores para colocar mais um título na sua história.

Nascida em Cacoal, Rondônia, a jogadora de 24 anos sempre foi apaixonada pelo esporte, e desde os nove já estava em uma escolinha de futebol – era, inclusive, a única menina do time. 

Futebol de graça e ao vivo por 1 mês? Conheça o DAZN Brasil!

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

“Sai de lá muito nova, até meus treze anos sempre disputei com meninos, em escolinhas ou algumas competições. Tem uma total diferença com o cenário do estado de São Paulo. A capital é uma grande vitrine para o futebol feminino. Tenho certeza que toda jogadora espera o devido valor da modalidade, em todo lugar.”

Expectativa para a final da Libertadores

Na noite desta segunda-feira (28), Millene espera que o Corinthians possa levar a melhor contra a Ferroviária após perder o título brasileiro, há um mês, e ajudar na conquista do bi da Libertadores.

“Elas são uma equipe tradicional dentro do futebol feminino que temos muito respeito. O Corinthians está preparado! Vem fazendo um excelente ano. Estamos muito focadas e esperamos conseguir colocar tudo para o que viemos. Espero que consigamos concretizar esse título, a nossa equipe merece.”

Autora de dois dos quatro gols na vitória contra o América de Cali, na semifinal, a camisa 14 garante estar focada na partida decisiva. “Toda essa fase em si, vai ser uma caixinha que eu vou deixar guardada. Vou sempre lembrar com um sorriso no rosto. Esse momento que estou vivendo com a camisa do Corinthians vai ficar marcado para mim.”

A carreira de Millene

Revelada pelo Atlético Mineiro, teve passagens pelo Neves e pelo Rio Preto antes de chegar ao Corinthians, onde entrou para a história do clube e do Brasileirão como a maior artilheira, superando a quantidade de gols de Gabi Nunes (45). É dona também da marca de mais gols em uma edição do Campeonato Brasileiro: 19 no total. 

Pelo Corinthians, a jogadora ajudou o time na conquista do vice-campeonato Brasileiro, na chegada a final do Campeonato Paulista (ainda em aberto) e, agora, na final da Libertadores. No esporte, a atacante encontra muita inspiração em atletas que estão no seu convívio. 

“Nós citamos muita a Marta. Seis vezes melhor do mundo, não é para qualquer um. Ainda mais na nossa modalidade e sendo brasileira. Acho que devemos enaltecer também companheiras de clube que tivemos passagem e ensinaram muito para mim.”

Na seleção, a estreia foi em 2016, no Torneio de Futebol Internacional, logo após ser eleita a melhor atacante e craque do campeonato brasileiro. Participou da conquista da Copa América, em 2018, e agora, com Pia Sundhage no comando, já esteve em partidas amistosas.

O que esperar

Com seus apenas 24 anos, a atleta idealiza um futuro no exterior. Millene ressalta a felicidade que está passando no Corinthians, mas admite trabalhar para conquistar novas oportunidades. 

“Espero colher mais frutos. Estou em um momento muito feliz com a camisa do Corinthians. Quero dar o meu melhor independente de onde esteja. Futuramente, espero ter a oportunidade de jogar fora. Preciso trabalhar bastante para que um dia isso possa acontecer”, revela.