Perrella detona Itair Machado e revela quanto o Cruzeiro gastou com Ceni

Além dos problemas em campo, Cruzeiro lida com um crise interna gigantesca

Eder Bahúte
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Vinnicius Silva/Cruzeiro

O Conselho Deliberativo do Cruzeiro quer a saída imediata da atual gestão que comanda o clube. Na maior crise administrativa vivida pela Raposa, conselheiros entendem que não há como manter o presidente Wagner Pires de Sá, o vice de futebol Itair Machado e seus pares.

Zezé Perrella, presidente do Conselho Deliberativo, confirmou que no próximo dia 21 um edital de convocação de todos os conselheiros será votado pelo afastamento da atual diretoria.

“Faremos essa reunião fora das dependências do Cruzeiro, pois não temos acesso a nada lá hoje. Para você ter uma ideia, eu, como presidente de Conselho, até as senhas dos nossos computadores foram substituídas. Estou fazendo tudo fora do Cruzeiro, porque a diretoria dificulta tudo”, explicou Perrella em entrevista ao Redação Sportv.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

“É por isso o motivo que vamos pedir o afastamento temporário, para que tenhamos acesso ao que de fato está acontecendo no clube. As denúncias que a TV Globo fez são seríssimas. E o Conselho que colocamos lá, para averiguar algumas coisas, viu outras coisas que não foram nem divulgadas por vocês”, completou.

Críticas a Itair Machado e gastos com Ceni

“Não existe a menor possibilidade dele continuar. Ele é o pivô dessa crise toda. Ele tem uma participação hoje no Cruzeiro mais importante que a do presidente. Não precisamos pedir o afastamento dele, porque ele é um funcionário do clube. A gente não consegue entender como o Wagner deixa uma situação dessa, o cara continuar.

“Eu, particularmente, não tenho nada contra ele, como pessoa, mas acho ele um péssimo gestor, completamente irresponsável. No episódio do Rogério Ceni o Cruzeiro gastou quase R$ 4 milhões nessa operação. Isso é gestão? Por isso o Cruzeiro chegou na situação que chegou. Não tenho nada pessoal contra ele, mas eu gosto do Cruzeiro e acho que ele hoje é uma pessoa que faz mal ao Cruzeiro. Ele e toda a diretoria. Então, óbvio que, a gente assumindo isso aí, ainda que temporariamente, a possibilidade de ele ficar é zero”, concluiu Perrella.

LEIA MAIS: