Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Preterido no Besiktas, Karius pode ser devolvido ao Liverpool

O clube turco pretende devolver o goleiro alemão que está emprestado

João Pedro Prado Restani
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/Besiktas JK

Uma final de Champions, duas falhas comprometedoras e um lance polêmico com um dos maiores zagueiros da história do futebol. Foi assim o maior pesadelo da carreira do goleiro alemão Loris Karius, que há pouco mais de um ano disputava a final da Champions League pelo Liverpool contra o Real Madrid, mas mal sabia o atleta que um jogo tão importante para a carreira de qualquer atleta seria o principal vilão de sua vida como jogador.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

A partida foi vencida pelo Real Madrid por 3 a 1, com o goleiro falhando de forma grotesca em dois gols e sofrendo uma possível concussão em lance com Sérgio Ramos no início do segundo tempo, tal fato foi apontado por muitos como o fator chave das falhas do alemão, que depois daquela final foi emprestado ao Besiktas, para dar espaço para a chegada de Alisson nos Reds.

O clube turco porém, parece não estar muito satisfeito com Karius, pois segundo o jornal Takvim, pretende devolver o jogador para o Liverpool. O contrato do atleta de 26 anos vai até junho de 2020, mas antes disso o Besiktas pretende ter em sua meta o espanhol Fabri do Mallorca e para isso devolveria o alemão.

Nascido em Biberach, na Alemanha, Karius fez nesta edição do Campeonato Turco oito jogos e sofreu nove gols, enquanto na Liga Europa fez três jogos e sofreu sete gols, média superior a dois por jogo. Atualmente o arqueiro está avaliado segundo o Transfermarkt em cinco milhões de euros, menos da metade dos 12 milhões que chegou a valer no Liverpool.

A próxima partida do Besiktas é contra o Antalyaspor no próximo sábado (2) pelo Campeonato Turco, o time de Karius é atualmente o oitavo colocado na competição.

LEIA MAIS:

Klopp analisa atuação do Liverpool na virada contra o Tottenham: “Exatamente como o futebol deve ser”