Kimmich comenta sobre rumores da possível saída de Muller e dispara: “Sem ele, o Bayern não estaria onde está hoje”

O lateral-direito explicou que compreende a insatisfação de Muller com a reserva no Bayern e enfatizou a relevância do meia-atacante para o clube alemão

Luis Felipe Pereira
Colaborador do Torcedores

Crédito: Divulgação/ Bayern facebook oficial

O Bayern de Munique pode estar prestes a perder um dos jogadores mais emblemáticos de seu elenco, de acordo com as notícias que circulam na imprensa alemã. Uma matéria publicada pelo jornal Bild revelou que Thomas Muller está insatisfeito com a reserva e os poucos minutos em campo na temporada e estaria planejando sua saída na próxima janela de transferências. Após o empate por 2 a 2 entre Alemanha e Argentina nesta quarta-feira (9), o lateral Joshua Kimmich falou sobre a situação do companheiro de equipe.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

“Não sei se ele quer realmente sair, mas posso entender que ele quer jogar mais. Sei como é ficar no banco. Com Ancelotti eu também fiquei no banco várias vezes. É completamente normal um jogador estar ou ficar insatisfeito”, comentou o defensor em entrevista ao jornal AS após o amistoso realizado em Dortmund.

Apesar de compreender a insatisfação do camisa 25, Kimmich fez questão de exaltar a importância dele para o clube alemão: “Eu só conheço o Bayern com Thomas Muller. Sem ele o clube não estaria onde está hoje. Sempre que ele entra, joga bem. No último jogo criou mais uma chance de gol, assim como fez nos jogos anteriores”, completou o jogador de 24 anos.

Revelado pelo Bayern de Munique, Thomas Muller, atua na equipe principal desde a temporada 2008/2009 e perdeu espaço no time titular com a chegada de Philippe Coutinho, emprestado pelo Barcelona. O desempenho do meia brasileiro tem agradado o técnico Niko Kovac, que por sua vez, opta por deixar o veterano alemão como suplente em grande parte dos jogos. Diante deste panorama, a decisão de permanecer ou encerrar sua vitoriosa trajetória com os bávaros está nas mãos do atleta de 30 anos.

LEIA MAIS:

Müller traça planos para deixar o Bayern de Munique em janeiro, diz jornal