Time Brasil já está classificado em mais de 16 modalidades para Tóquio 2020

Time Brasil tem representantes definidos em esportes como vôlei, canoagem e handebol

Carlos Lemes Jr
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/Time Brasil

O levantamento foi feito pela empresa SEO Marketing   e lista mais de 16 modalidades com atletas brasileiros já classificados, por enquanto. O Time Brasil teve seu melhor desempenho em uma semana, desde os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016. O País conquistou títulos no Mundial de Ginástica Artística, no Mundial de Boxe e na Copa do Mundo de Vôlei Masculino.

Você conhece a TV Torcedores? Clique e se inscreva! 

Vôlei Feminino

Nosso país sempre foi um grande destaque no vôlei, tanto na praia ou quadra, e para ambos os gêneros de jogadores. Nesse caso, com 12 atletas prontas para o desafio no Japão, o time feminino garantiu vaga no torneio Pré-Olímpico após as vitórias sobre as seleções de Camarões, República Dominicana e Azerbaijão.

Vôlei Masculino
Já o time masculino encontrou maiores dificuldades para se classificar, mas alcançou o objetivo de ir aos jogos depois de uma batalha épica contra a seleção da Bulgária. Em um jogo aparentemente perdido, os meninos de ouro do Brasil não se deixaram abater e conseguiram virar o placar que garantiu a classificação para Tóquio 2020.
Futebol Feminino
O ano de 2020 também marca a presença ilustre da nossa seleção feminina de futebol. Marta e companhia chegam fortes para o torneio após a vaga conquistada lá em 2018, no hexacampeonato da Copa América, após atropelar todos os adversários em uma campanha histórica de 7 vitórias, com 31 gols marcados e apenas 2 sofridos durante toda a competição.
Natação Masculina
A equipe de natação brasileira também vem forte para os jogos de 2020, onde 12 atletas irão participar das provas de revezamento na busca por uma medalha. A classificação foi garantida no Mundial de Esportes Aquáticos, que aconteceu na Coréia do Sul em julho deste ano.
Canoagem de Velocidade
Mais uma modalidade que garantiu vaga nos jogos de Tóquio foi a canoagem de velocidade, onde Isaquias Queiroz e Erlon de Souza garantiram a vaga, na categoria C2 1000m, por meio da disputa acirrada no Mundial de Canoagem e Paracanoagem ocorrido em Szeged, na Hungria.
Outro atleta que carimbou o passaporte foi Pedro Gonçalves, mas na modalidade K1 masculina. De qualquer forma, os três atletas classificados na modalidade chegam com força ao Japão em um esporte onde o Brasil vem se destacando nos últimos anos.
Já na Canoagem Feminina, Ana Sátila conquistou o índice olímpico em duas modalidades: na C1 e K1. No entanto, como não é possível uma atleta disputar duas provas distintas, Sátila optou pela K1, prova onde suas chances de boa colocação são maiores.
Handebol Feminino
A seleção brasileira de Handebol feminino também assegurou vaga para o oriente na conquista do hexacampeonato dos jogos Pan-Americanos, disputado em Lima, no Peru. Após a vitória sobre a seleção da Argentina, as 14 atletas do Brasil chegarão em Tóquio como favoritas na busca por uma medalha.
Outras modalidades
  • Hipismo Adestramento com 3 atletas;
  • Hipismo CCE com 3 atletas;
  • Hipismo Saltos também com 3 atletas;
  • Maratona Aquática, com 1 atleta;
  • Pentatlo Moderno com 1 atleta;
  • Rugby Sevens feminino com 12 atletas;
  • Tênis e Tênis de mesa com 1 atleta cada;
  • Tiro com arco com 1 atleta;
  • Vela com 10 atletas.

LEIA MAIS

Seleção Feminina de basquete conhece datas dos jogos do Pré-Olímpico