Van der Sar culpa fase ruim do United a falta de “homens de caráter”

Em entrevista a canal de televisão, o ex-goleiro não poupou críticas a gestão do antigo clube

Lucas Antonio Luz Iglesias
Colaborador do Torcedores

Crédito: Twitter Van der Sar

O ex-goleiro do Manchester United, Edwin Van der Sar, pensa que o início de temporada ruim da equipe é pela falta de “homens de caráter” no time. Em entrevista à ESPN, ele não poupou críticas contra a atual gestão e elenco da equipe.

“Quando cheguei no vestiário, tínhamos o Ryan Giggs, o Paul Scholes, o Rio Ferdinand, o Gary Neville e até o Roy Keane à altura. Penso que sempre houve homens com caráter. E creio que nos últimos anos, os homens com caráter despareceram no United e não fazem mais a diferença”, afirmou.

Sobre o momento de instabilidade que o ex-companheiro de time Ole Gunnar Solskjaer está passando no comando da equipe, Van Der Sar também acredita que se trata de uma situação complexa, a qual não sentiu na pele.

“É difícil. Eu deixei o clube há oito anos, e foram seis anos tremendos da minha carreira, ganhei quatro campeonatos e joguei em três finais de Liga dos Campeões. É uma posição diferente daquele em que agora se encontra, há um longo caminho. Mudaram treinadores muitas vezes, o progresso ainda não é visível, apostaram na juventude, jogadores com pouca experiência com um certo desejo e vontade, em vez dos nomes conhecidos que compraram nos últimos seis, sete anos”, arrematou.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

LEIA MAIS:

NO FUTEBOL INGLÊS, EX-GOLEIRO DO SANTOS, DIZ ACOMPANHAR SAMPAOLI