Amanda Nunes se vê como favorita para duelo no UFC 245

Brasileira afirma se ver melhor do que rival Germaine de Randamie para luta em dezembro

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhidaFormado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo pareciod.

Crédito: Divulgação/Facebook Oficial UFC

Amanda Nunes encara no UFC 245, em dezembro, Germaine de Randamie em mais uma defesa de seu cinturão peso-galo. Será uma revanche entre as duas lutas, que se enfrentaram em 2013 com vitória da brasileira.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Na última semana, em evento para promover o card, a ‘Leoa’ mostrou confiança em seu potencial e disse não ver problemas ao ser colocada como favorita para o combate contra a holandesa.

“Sinto que ela merece o title shot, ela é a próxima da fila e ela merece. Ela evoluiu muito, mas a gente lutou quando eu estava no começo da minha trajetória no UFC. Agora sou campeã em duas divisões e ganhei muita experiência. Irei manter meu cinturão, não tenho dúvidas disso”, declarou Amanda.

“Conheço bem a Germaine, venci ela no começo da minha vida no UFC. E eu a venci. Imagine agora, com a experiência que eu consegui e os dois cinturões que venci. Vim para aqui para mostrar minha força, fazer história e continuar a colocar meu nome no topo. E provarei isso de novo”, completou a brasileira.

Ao analisar a luta, Amanda Nunes acredita que o duelo contra a holandesa poderá ser disputado em pé, com as duas tendo bom sucesso na trocação. E a brasileira garante ter um trunfo para poder sair do octógono com mais uma vitória.

“A Germaine é muito boa na trocação. Se você não entrar no jogo dela, ela não vai poder te vencer. Eu tenho que fazer ela jogar o meu jogo e levar a luta para onde eu quero. Tenho todas as vantagens contra ela”, afirmou.

LEIA MAIS

Suspeito de envolvimento em desaparecimento de enteada de lutador do UFC é preso

(Crédito da foto: Divulgação/Facebook Oficial UFC)