Athletico Paranaense x Cruzeiro: assista aos melhores momentos da partida

Em Curitiba, Athletico Paranaense x Cruzeiro não saíram do 0 a 0; veja os lances da partida

Eder Bahúte
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Premiere

Pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro, Athletico Paranaense x Cruzeiro ficaram no empate em 0 a 0, em partida realizada na noite desta quarta-feira (6), na Arena da Baixada, em Curitiba.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Com o resultado, o Cruzeiro não consegue abrir distância da zona do rebaixamento. Neste momento, a Raposa aparece em 14ª com 34 pontos. O Athletico, por sua vez, é o sétimo com 47.

No domingo, o Cruzeiro faz o clássico contra o Atlético, 16h (de Brasília), no estádio do Mineirão. O Furacão visita o São Paulo, no Morumbi.

“Glória a Deus por me dar a oportunidade de estar em campo e ajudar, ainda mais em um momento difícil. Independentemente de jogar fora ou no Mineirão, o importante é continuar somando pontos, tem que ter entrega dedicação e seguir na nossa luta semanal para poder tirar o Cruzeiro dessa situação. Fui feliz em ajudar com algumas defesas”, Fábio em entrevista à TV Globo. O camisa 1 foi eleito o melhor em campo.

Assista aos melhores momentos de Athletico Paranaense x Cruzeiro

FICHA TÉCNICA
ATHLETICO-PR X CRUZEIRO

Local: Arena da Baixada, Curitiba (PR)
Data: 5 de novembro de 2019 (quarta-feira)
Horário: 21h30h (de Brasília)
Arbitragem: Luiz Flavio de Oliveira (SP)
Auxiliares: Anderson José de Moraes Coelho e Bruno Salgado Rizo (ambos de SP)
VAR: José Claudio Rocha Filho (SP)
Cartões amarelos: Léo Pereira, Marco Rúben (Athletico Paranaense); Sassá (Cruzeiro)
Cartão vermelho: Sassá (Cruzeiro)

ATHLETICO-PR: Santos; Madson, Thiago Heleno, Léo Pereira, Márcio Azevedo; Wellington (Marcelo Cirino), Bruno Guimarães (Camacho), Léo Cittadini (Bruno Nazário); Nikão, Rony e Marco Ruben.

Técnico: Eduardo Barros

CRUZEIRO: Fábio; Edilson, Cacá, Fabrício Bruno e Egídio (Dodô); Henrique, Éderson, Marquinhos Gabriel, Robinho (Ariel Cabral); David (Ezequiel) e Sassá.
Técnico: Abel Braga

LEIA MAIS: