Comentarista da Globo diz que sofreu injúria racial no jogo Paysandu x Flamengo, em 2005

Paulo César de Oliveira arbitrou por mais de uma década no futebol brasileiro

Octávio Almeida Jr
Jornalista graduado pela Universidade da Amazônia (UNAMA), 27 anos.Repórter de campo pela Rádio Unama FM em duas finais de Campeonato Paraense (anos 2016 e 2017).

Crédito: Transmissão SporTV

Atualmente comentarista de arbitragem do Grupo Globo, Paulo César de Oliveira arbitrou vários jogos no futebol brasileiro por mais de uma década. Entretanto, sofreu ofensas de cunho racial, conforme alegou no programa Redação SporTV da última sexta-feira (15). No dia 4 de dezembro de 2005, Paysandu e Flamengo se enfrentaram no estádio Mangueirão. O jogo foi válido pela última rodada do torneio nacional e terminou 4 a 1 a favor do time carioca.

Paulo César de Oliveira expulsou o então treinador alviceleste, Carlos Alberto Torres. O ex-jogador tricampeão do mundo em 1970 ficou insatisfeito com a decisão e cometeu injúria racial, segundo o comentarista.

“O episódio mais marcante foi em 2005, em Belém do Pará, numa partida pelo Campeonato Brasileiro, a última rodada de 2005, Paysandu e Flamengo, onde eu fui vítima (de injúria racial)”, iniciou Paulo César de Oliveira.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

“Infelizmente de um negro que eu sempre respeitei muito e tive a oportunidade, antes dele falecer, de perdoá-lo. A gente teve bons papos aqui na casa (Grupo Globo) que foi o Carlos Alberto Torres que era técnico do Paysandu”, prosseguiu o comentarista de arbitragem do Grupo Globo.

“Após ser expulso de campo, me ofendeu, me chamando de negro de m*. Esse fato repercutiu bastante”, disse Paulo César de Oliveira

“Infelizmente essa ofensa acabou vindo de outro negro. Isso realmente me machucou bastante”, concluiu o comentarista.

O vídeo completo pode ser visto no site do SporTV. O título do conteúdo é: Mesa convida Paulo César de Oliveira e Márcio Chagas para debater sobre racismo no futebol brasileiro.

Leia também:

Jornalista da TV Globo revela medo de perder o emprego por conta do racismo

Em transmissão de River x Boca, Muricy destaca clássico Remo x Paysandu; assista