Dois adolescentes são mortos em briga entre torcedores na cidade da final da Libertadores

Sede da final da Libertadores, Lima tem noite violenta em briga de torcedores. Dois jovens já foram confirmados como vítimas fatais da confusão

Aécio de Paula
Colaborador do Torcedores

Crédito: Reprodução: Instagram/ Conmebol

Dois jovens foram mortos em Lima depois de uma super confusão em uma briga de torcedores. O tiroteio envolveu apoiadores dos clubes Alianza Lima e Universitário. A informação foi dada pela polícia peruana nesta quinta-feira (7). O tiroteio, no entanto, aconteceu na noite da quarta-feira (6). Ou seja, horas depois do anúncio da capital peruana como sede da grande final da Libertadores da América. O jogo entre Flamengo e River Plate vai acontecer no dia 23 de novembro.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Os atos aconteceram na região de San Juan de Miraflores. Josué Esteban, de 19 anos, e Denis Gamarra, de 22 anos, estavam em uma comemoração em uma laje. De acordo com testemunhas, homens saíram armados de um carro e atiraram nas cabeças dos jovens. Ambos foram socorridos e levados para um hospital. Nesta quinta-feira, porém, veio a notícia de que os esforços médicos não foram suficientes. Casos assim não costumam ser necessariamente algo estranho por lá.

De acordo com o jornal peruano La República, o episódio foi mais um entre “tantos casos que são situados no contexto de violência do futebol local”. Ainda de acordo com o jornal, essa espécie de disputa territorial entre torcedores já deixou um saldo de 20 mortos nos últimos três anos.

Segundo o jornal, os dois mortos eram amigos de infância.

A mudança para Lima

A cidade de Lima foi escolhida há poucos dias para ser a sede da grande final da Libertadores entre Flamengo e River Plate. A capital peruana vai substituir a cidade de Santiago. Isso porque a capital chilena passa por um momento de ebulição social. Os protestos que pedem melhorias nos serviços públicos já deixaram dezenas de mortos em confrontos violentos com a polícia.

Embora registre o problema da briga entre Barrabravas, o Peru foi visto pela Conmebol como a melhor opção. O país vive um momento histórico para o seu esporte. No futebol, por exemplo, a Seleção disputou no ano passado a sua primeira Copa do Mundo em mais de três décadas. Este ano, a Seleção peruana foi finalista da Copa América. Além disso, a capital peruana recebeu os Jogos Pan-Americanos e Parapan-Americanos deste ano.

LEIA MAIS

Libertadores: conheça os possíveis transtornos que rodeiam o Monumental de Lima