Fluminense x Vasco: assista aos melhores momentos do confronto válido pelo Brasileirão

Em um jogo bastante disputado, Fluminense e Vasco ficaram no empate por 0 a 0

Bruno Romão
24 anos, jornalista formado pela Universidade Estadual da Paraíba, amante da escrita, natural de Campina Grande e um completo apaixonado por futebol. Contato: bruno.romao.nascimento@gmail.com

Crédito: Rafael Ribeiro/Vasco

Apesar das duas equipes terem criado chances, a rede não balançou no Maracanã. O Tricolor das Laranjeiras teve um ligeiro domínio, mas esbarrou na falta de pontaria de seus atacantes. Já pelo lado Cruzmaltino, a criação foi nula, e as principais investidas vinham em jogadas individuais, principalmente de Guarín, que por pouco não marcou em chute de fora da área.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Você conhece o Meu Vasco BMG?

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Na segunda etapa, o jogo seguiu da mesma forma, com o Fluminense criando jogadas, mas levando pouco perigo ao gol de Fernando Miguel. As substituições de Luxemburgo não surtiram efeito e o Vasco continuou dependendo de bolas paradas e lances individuais para criar algo.

Nos momentos finais, o time de Marcão ensaiou uma pressão, mas que não se concretizou em gol. Dessa forma, o empate foi selado com o apito final do árbitro. Veja abaixo o que de melhor rolou no confronto.

O resultado não tirou o Fluminense do Z-4, já que o time permaneceu na 17ª posição, agora com 31 pontos. Já o Vasco, se manteve na 11ª colocação, chegando aos 39 pontos.

FICHA TÉCNICA – FLUMINENSE x VASCO (30ª RODADA DO CAMPEONATO BRASILEIRO)

Data: 02 de novembro (sábado)

Horário: 19h (de Brasília)

Local: ​Maracanã – Rio de Janeiro

Árbitro: Raphael Claus (SP)

VAR: José Claudio Rocha Filho (SP)

Fluminense

Muriel; Gilberto (Pablo Dyego), Nino, Digão e Caio Henrique; Yuri (Dodi), Allan, Daniel e Ganso (Nenê); Yony González e Marcos Paulo.
Técnico: Marcão.

Vasco
Fernando Miguel, Pikachu, Henríquez, Leandro Castan e Henrique (Danilo Barcellos); Richard, Bruno Gomes (Marcos Júnior) e Guarín (Raul); Rossi, Marrony e Ribamar.
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

LEIA MAIS