Há seis meses sem jogar, Vanderlei vive incerteza no Santos

O goleiro, aclamado como um dos melhores do país nos últimos anos, não agradou Sampaoli e amarga um semestre inteiro sem disputar qualquer partida pelo Peixe

Guilherme Rodelli Rocha
Colaborador do Torcedores

Crédito: Bruna Prado/Getty Images

Desde a chegada do treinador argentino, Vanderlei foi perdendo espaço na meta santista. A contratação de Everson, à pedido da comissão técnica, mostrava que o “estilo de jogo” do goleiro, até então titular, não encaixaria com as ideias propostas.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

O atleta de 35 anos começou a temporada mantendo a titularidade, mas a chegada do concorrente foi minando seu espaço entre os 11. Inicialmente, Everson disputava apenas os jogos da Copa do Brasil e, vez ou outra, jogos do Campeonato Paulista. O cenário mudou, então, no Campeonato Brasileiro. Com apenas seis rodadas disputadas no nacional e a seguinte eliminação na Copa do Brasil, Vanderlei foi preterido.

Este período na reserva é o maior de sua carreira desde que virou titular no Coritiba em 2011. Naquele ano pelo clube paranaense, Vanderlei disputou 22 partidas oficiais, já que se tornou titular em setembro. Até agora, em 2019, o goleiro atuou em 23 partidas somente. Sua última aparição foi na Vila Belmiro, contra o Internacional.

Alvo do São Paulo e justificativa do técnico

Em 2018, Vanderlei foi alvo do São Paulo, mas graças às dificuldades impostas pelo próprio Santos, o negócio não andou. Contudo, seu alto salário e contrato próximo ao fim (2020) gera rumores de transferência na próxima temporada.

Titular desde que chegou ao Santos em 2015, ele vive o pior momento no clube. Tem um alto salário, mas não joga. É um dos ídolos da torcida e esteve nas conquistas dos Paulistas de 2015 e 2016.  A torcida não deixa de demonstrar carinho, principalmente se há alguma falha de Éverson. Contra o Ceará, por exemplo, os torcedores na Vila Belmiro fizeram coro pelo goleiro.

Porém, para Sampaoli, a discussão sobre quem é o arqueiro titular está acabada. O técnico argentino precisou vir a público justificar sua escolha: “O Everson é uma peça-chave desta campanha, me parece irresponsável culpar ele por algo. É vergonhoso. O Vanderlei é muito reconhecido, mas o Everson mostrou, com o tempo, o motivo de estar no gol do Santos”.

LEIA MAIS:

Santos x Chapecoense: veja todas as informações de ingressos para o jogo na Vila Belmiro

Santos cola no Palmeiras na classificação dos melhores mandantes do Brasileirão; Flamengo lidera