“Esquecidos” no Palmeiras, zagueiros ainda não jogaram com Mano Menezes

Antônio Carlos e Edu Dracena vivem expectativa de estrear no Verdão sob o comando do treinador diante do Bahia

Marcel Thomé
Colaborador do Torcedores.com

Crédito: Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

O Palmeiras volta a campo neste domingo (17) para enfrentar o Bahia, em partida da 33ª rodada do Campeonato Brasileiro, que será disputada às 16h (horário de Brasília), na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA), e terá o desfalque confirmado do zagueiro Gustavo Gómez, convocado pelo Paraguai para dois amistosos.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

A ausência do defensor abre a possibilidade para mudanças na zaga, no entanto dois jogadores do setor devem ser preteridos mais uma vez. Os zagueiros Antônio Carlos e Edu Dracena, que ainda não defenderam o Verdão sob o comando do técnico Mano Menezes, deverão ficar no banco de reservas mais uma vez, com Luan substituindo o paraguaio para fazer dupla com Vitor Hugo.

Antônio Carlos, de 26 anos, foi titular em grande parte da temporada passada, mas perdeu espaço em 2019 com a ascensão de Luan no primeiro semestre e com a chegada de Vitor Hugo no segundo.

O camisa 25 não atua desde o dia 17 de agosto, quando o Palmeiras enfrentou o Grêmio com a maioria de jogadores reservas, em jogo do Brasileirão – empate por 1 a 1 -, véspera do primeiro duelo contra o time gaúcho pelas quartas de final da Libertadores. Felipão ainda era o treinador do clube.

Nesta temporada, Antônio Carlos atuou 22 jogos do Verdão, sendo apenas oito no Brasileirão, e ao todo são 85 partidas e três gols pelo clube. O defensor tem contrato até junho de 2023.

Experiente zagueiro deve dar adeus ao Palmeiras

Já o experiente Edu Dracena está há mais tempo ainda sem jogar uma partida oficial.

O jogador, de 38 anos, fez seu último jogo com a camisa alviverde em julho deste ano, no dia 27, quando o Verdão empatou com o Vasco, em casa, por 1 a 1, no Brasileirão.

Já em final de carreira, Dracena disputou 16 partidas nesta temporada, a maioria no Paulistão, e tem um total de 127 jogos pelo clube, com três gols marcados.  Como o clube passará por uma reformulação no elenco para a próxima temporada, o defensor não deve ter seu contrato renovado – o vínculo termina em dezembro próximo.

O clube terá os retornos em 2020 dos jovens Pedrão e Emerson Santos emprestados, respectivamente, para América-MG e Internacional.

LEIA MAIS: