Volante Ralf está há 500 jogos sem levar cartão vermelho: “Espero me aposentar sem esse cartão”

Ralf, camisa 15 do Corinthians, chegou aos 500 jogos oficiais sem levar cartão vermelho

Matheus Expedito
Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero. 22 anos. Amante do esporte bem jogado e admirador de boas histórias.

Crédito: Foto: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

O corintiano Ralf completou uma marca significativa no último domingo, no empate por 0 a 0 contra o Internacional. Mesmo sendo primeiro volante, o camisa 15 chegou aos 500 jogos oficiais, por clubes, sem receber cartão vermelho. A última vez que o jogador recebeu a punição foi no dia 15 de julho de 2009, quando ainda atuava pelo Grêmio Barueri.

Com o meu BMG Corinthians o seu time sempre ganha. Abra sua conta!

Naquele ano, Ralf era um dos destaques da equipe do interior de São Paulo, mas acabou recebendo o cartão vermelho no jogo contra o Santos, válido pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. O árbitro responsável pela punição foi Guilherme Cereta de Lima, que mostrou o segundo cartão amarelo ao jogador no primeiro minuto da segunda etapa.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Desde então,  passaram-se dez anos e mais de 500 partidas, somando com as partidas amistosas. É importante ressaltar que nesses compromissos não oficiais, o camisa 15 também não foi advertido com a punição máxima. Foram 17 amistosos pelo Corinthians e oito com a Seleção Brasileira.

Em entrevista ao Torcedores, o volante destacou o feito. “É um sentimento muito bom. A gente sabe que é difícil alcançar uma marca destas na carreira, independentemente de quantos clubes você passa. São poucos os jogadores, se eu não me engano, no Brasil que têm esta marca. Eu sou privilegiado de ser um deles. Então, eu fico muito feliz de atingir essa marca e estar correspondendo à altura”, disse.

Questionado se poderia encerrar a carreira sem outra expulsão, o atleta manteve a serenidade: “É difícil, mas nada é impossível. Como eu não tomei até agora, espero que prevaleça esta questão de Fair Play, de eu não ser um jogador desleal e de poder estar sempre ajudando a minha equipe. Espero que eu me aposente sem tomar este cartão vermelho”, complementou.

Número de partidas oficiais por clubes:

Grêmio Barueri: 24 partidas (contabilizando após a expulsão no jogo contra o Santos)
Corinthians: 419 partidas
Beijing Guoan: 57 partidas

Números em competições oficiais por clubes:

Grêmio Barueri:

Campeonato Brasileiro: 24 partidas

Corinthians

Campeonato Paulista: 113 partidas
Libertadores: 44 partidas
Campeonato Brasileiro: 228 partidas
Copa do Brasil: 25 partidas
Sul-Americana: 5 partidas
Recopa Sul-Americana: 2 partidas
Mundial de Clubes: 2 partidas

Beijing Guoan:

China Super League: 57 partidas

Cartões Amarelos:

Grêmio Barueri: 6 cartões
Corinthians: 55 cartões
Beijing Guoan: 4 cartões
Total: 65 cartões

LEIA MAIS: