Atacante Wellington Paulista vive sua melhor fase como goleador nos últimos 10 anos

Camisa 9 do Leão dá a  volta por cima após passagem com altos e baixos na Chapecoense. Atacante tem mais seis jogos para melhorar marca pessoal em campeonatos brasileiros

Aflaudisio Dantas
Repórter com passagens por jornal O Povo, O Povo online, cobri a Copa do Mundo de 2014. Já cobri Série B, Série C, Copa do Nordeste, Campeonato Cearense, dentre outros eventos esportivos.

Crédito: Foto: Leonardo Moreira/FortalezEC

Contratado para ser o homem gol do Fortaleza no início de 2019, o atacante Wellington Paulista faz o seu melhor Campeonato Brasileiro dos últimos 10 anos. O centroavante de 35 anos ostenta média de gols só superada quando atuava pelo Cruzeiro, no Brasileirão de 2009.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Até agora foram 13 gols em 25 jogos pelo Leão. A média de 0,52 gol por partida deixa o jogador atrás, apenas de Gabriel Barbosa e Bruno Henrique, artilheiro e vice-artilheiro da competição, com 21 e 16 gols, respectivamente. O desempenho é suficiente para deixar o artilheiro tricolor à frente de jogadores badalados.  Eduardo Sasha (Santos), Arrascaeta (Flamengo) e Everton Cebolinha (Grêmio) estão atrás do centroavante tricolor.

Foi somente no Campeonato Brasileiro de 2009, atuando pelo Cruzeiro, que Wellington Paulista obteve rendimento superior. Naquela ocasião, o jogador terminou a Série A com 14 gols marcados em 24 jogos, lhe rendendo uma média de 0,58 gol por partida. Com mais seis compromissos a cumprir pela competição, é provável que o artilheiro consiga superar sua melhor marca.

Dos 13 gols marcados por Wellington Paulista, 5 foram cobrando pênalti. O atacante ainda deu duas assistências, sendo responsável direto por 15 dos 39 gols marcados pelo Fortaleza até a 32° rodada do Brasileirão. 

Início conturbado do camisa 9

Nem tudo são flores na trajetória com a camisa do Tricolor de Aço. Recebido com muita expectativa, o jogador demorou para deslanchar. Só marcou seus primeiros gols nas finais da Copa do Nordeste, diante do Botafogo-PB. Cenário bem diferente de agora, onde o jogador marcou o seu último gol na Série A no Clássico Rei, contra o Ceará. O jogo de domingo passado é considerado como o jogo mais importante já realizado entre os dois rivais. 

Wellington Paulista marcou ao todo 93 gols em campeonatos brasileiros. Os números o colocam entre os 10 maiores artilheiros da competição na era dos pontos corridos, em vigor desde 2003.

LEIA MAIS:

Bruninho admite que Atlético-MG ainda luta contra o rebaixamento