Brasileirão: veja como estaria a tabela sem VAR após a 36ª rodada

Sem árbitro de vídeo, situação do Cruzeiro estaria mais delicada e Corinthians já teria vaga na Libertadores

Matheus Leal
Setorista e editor-assistente do Torcedores.com

Crédito: Reprodução

Restam apenas seis pontos em disputa no Brasileirão. E cada um deles vale ouro. Apesar do título já estar definido, duas vagas na Libertadores estão em aberto. Além disso, a disputa para fugir da Série B está ponto a ponto entre Cruzeiro e Ceará. Na última rodada, a Raposa perdeu para o Vasco e se complicou.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Cartão de crédito sem anuidade? Abra sua conta Meu BMG agora!

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

De acordo com um levantamento feito pelo jornalista Alexandre Siqueira, que cataloga a utilização do árbitro de vídeo desde a primeira rodada, o Corinthians já teria vaga assegurada na Libertadores 2020. Vale destacar que o Fortaleza dependeria só de si para ir à fase preliminar do torneio, enquanto o Internacional estaria em situação delicada não fosse o VAR.

Na parte de baixo, sem o árbitro de vídeo, o Cruzeiro já praticamente teria dado adeus à elite do Brasileirão. A Raposa estaria lutando contra o Botafogo e não contra o Ceará. O Vozão, por sua vez, teria uma vida muito mais tranquila sem o VAR.

Veja a classificação do Brasileirão sem VAR após 36 rodadas:

LEIA MAIS

Ataque, defesa, aproveitamento… veja os melhores times da Série A em 2019 após a 36ª rodada do Brasileirão

Com Mano Menezes, Brasileirão chega a 30 trocas de técnicos em 2019

Libertadores 2020: 34 equipes já estão classificadas para o torneio; veja lista