Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Com contrato encerrando, Yuri está de saída do Botafogo

Yuri é cria das divisões de base do Alvinegro

Wilson Pimentel
Jornalista esportivo desde 1998. Cobriu os principais eventos esportivos da última década. Passou pelas redações do SBT, Record TV, CNT, Esporte Interativo, Rádio Tupi, Rádio Brasil e Rádio Manchete. É correspondente de veículos de comunicação da Colômbia, Croácia, Paraguai e Portugal. Está no Torcedores.com desde 2019.

Crédito: Foto: Vitor Silva /Botafogo

Fora dos planos de Alberto Valentim, o lateral esquerdo Yuri será liberado pelo Botafogo. Com contrato encerrando no final deste mês, o jogador já foi comunicado de que não terá seu vínculo renovado. Com isso, ele procura outro clube para atuar. O atleta tem ofertas de equipes da Série B do Campeonato Brasileiro.

Promovido aos profissionais do Botafogo em 2016, Yuri chegou ao time principal com as credenciais de solução para a lateral esquerda alvinegra. Mas nunca conseguiu se firmar no time. Recentemente, o jogador recebeu sondagens de equipes da segunda divisão da China e Japão, mas as negociações não foram adiante.

Embora tenha surgido como promessa, o lateral não rendeu o que se esperava dentro de campo. Por isso, foi emprestado para quatro clubes: Gonçalense-RJ, Criciúma, Santa Cruz, além do Figueirense. Ao todo, Yuri disputou apenas 20 jogos no Botafogo.

Siga o Torcedores também no Instagram

Botafogo tenta ser cirúrgico na restruturação do elenco para 2020

O Torcedores.com apurou que a diretoria do Botafogo está tendo muito cuidado com a reformulação do elenco para a próxima temporada. O clube trabalha com cautela e até o momento não anunciou a chegada de reforços. Algumas conversas entre Carlos Augusto Montenegro e Alberto Valentim já aconteceram em General Severiano. A lista de dispensas deve aumentar até o final do ano. Os nomes são mantidos em sigilo, mas outros jogadores devem seguir o caminho de Yuri, Leo Valencia, Rodrigo Pimpão, entre outros.

Alberto Valentim vai promover alguns talentos da base. E também pediu uns nomes para reforçar o Botafogo. A estratégia, entretanto, vai mudar para 2020. Nada de “apadrinhamento” e diversos atletas para o elenco. Quem chegar terá de ter condições de jogar como titular ou brigar diretamente pela vaga.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!

Carlos Augusto Montenegro já tem alguns nomes na lista. Mas, por enquanto, o dirigente concentra suas atenções nas saídas de alguns jogadores para abrir espaço na folha salarial alvinegra. O dirigente quer evitar que algumas decisões tomadas neste ano sejam repetidas na próxima temporada, principalmente nas contratações de Alessandro Scheppa, Gustavo Ferrareis, além de Kieza.

As saídas de Erik para o Yokohama Marinos, do Japão e de Leandro Carvalho para o Ceará foram motivos de forte cobrança em cima de Anderson Barros, que exerceu o cargo de executivo de futebol do Botafogo até o início de dezembro deste ano.

Enquanto não enxuga a folha salarial, a diretoria alvinegra não sabe se terá condições de anunciar alguma contratação antes da virada do ano, pois, fora da Copa Sul-Americana, o Glorioso terá menos receitas em 2020.

As melhores notícias de esportes, direto para você

 

LEIA MAIS:

Futebol: João Paulo tem proposta do Besiktas e não deve ficar no Botafogo

Futebol: Botafogo negocia rescisão de contrato de Leo Valencia; jogador é cotado na Universidad de Chile 

Futebol: Atlético-MG solicita retorno de Gabriel; Botafogo tenta manter zagueiro