Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Grêmio: 4 jogadores para o Imortal tomar cuidado na fase de grupos da Libertadores 2020

Em grupo repleto de campeões nacionais, o Grêmio precisará ter cuidado com os jogadores destaques do adversário

Luis Fernando Filho
Jornalista formado, 23 anos, e fanático pelo futebol bem jogado para além das quatro linhas.

Crédito: Martin Bernetti/AFP

O Grêmio conheceu os principais adversário na Libertadores 2020 na última terça-feira (17). O tricolor gaúcho ficará no Grupo E da competição.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Campeão em 2017, o Grêmio busca reconquistar o torneio mais importante da América do Sul, após chegar três vezes consecutivas à semifinal da Libertadores.

Dessa forma, o sorteio acabou sendo generoso ao time gremista, mesmo que ainda possa enfrentar o maior rival Internacional, cao o colorado passe pelas preliminares da competição.

Os adversários confirmados do Grêmio na Libertadores são a Universidad Católica, atual campeã chilena e América de Cali, campeão chileno nesta temporada.

Enquanto o Católica foi campeão antecipada no Chile, por causa das manifestações políticas crescentes no país, o América de Cali voltou a conquistar o torneio, após anos jogando na segunda divisão colombiana.

Abaixo, veja os jogadores que podem complicar a vida do Grêmio na Libertadores 2020

1- Michael Rangel

Emprestado pelo Junior de Barranquila desde julho de 2019, Michael Rangel parece não ter sentido a adaptação ao América de Cali. Em alguns meses, se tornou a principal arma ofensiva do clube.

Além disso, conquistou o Campeonato Colombiano e teve ótimos números na competição nacional. O atleta de 28 anos é o tradicional ‘camisa 9’, com presença na área e o cabeceio como arma principal.

Rangel é o ‘9’ do momento na Colômbia e surge como o principal destaque do América de Cali para a Libertadores 2020. É bom o Grêmio ficar de olho no atacante.

2- Duvan Vergara (América de Cali)

Um dos principais jogadores na campanha do título colombiano, Vergara fez ótimo aparição pelo clube nesta temporada, mesmo que esteja por empréstimo do Rosario Central.

Desde que chegou, em julho de 2019, Vergara, com 23 anos, se tornou uma das armas ofensivas do América de Cali. Como atributo, tem a força física e a finalização como destaque. Olho nele, Grêmio.

3- José Pedro Fuenzalida (Universidad Católica)

Artilheiro do Universidad Católica no Campeonato Chileno, com 10 gols marcados, o experiente Fuenzalida é a principal arma ofensiva do atual campeão nacional.

Capitão da equipe, o camisa nove possui a liderança necessária para liderar a Católica no grupo difícil do Grêmio, clube no qual os chilenos enfrentaram na edição passada da Libertadores.

Fuenzalida é daqueles atacantes que marcam gols de todos os tipos, e por isso mesmo tem o perfil da Libertadores. Olho neste atacante, Grêmio.

4- Diego Buonanotte (Universidad Católica)

O meio campista foi titular contante na campanha do título chileno. Desde que retornou ao clube, Buonanotte buscou na Universidad Católica um clube que tem conseguido regularidade.

Para a Libertadores 2020, a expectativa é que o argentino de 31 anos exerça o papel técnico necessário para levar os chilenos à segunda fase da Libertadores. Olho nele, Grêmio.

Grêmio e as definições na Libertadores 2020

Ainda sem saber quem será o último adversário no Grupo E, o Grêmio vê como difícil a chave composta por dois campeões nacionais.

Além disso, o grupo poderá ficar mais forte, visto que existe a possibilidade maior do Internacional juntar-se aos três clubes. Em 2020, o Grêmio buscará o tetracampeonato da Libertadores.

LEIA MAIS: Atenção, FLAMENGO: 4 jogadores para o Mengão tomar cuidado na fase de grupos da Libertadores 2020