Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Mundial de Surfe 2019: o que cada surfista precisa fazer para ser campeão

Esse ano, o título será disputado entre cinco surfistas, sendo três deles brasileiros

Lippe Fardin Borgo
Colaborador do Torcedores

Crédito: Matt Roberts/Getty Images

A praia de Pipeline, no Havaí, receberá mais uma vez a maior competição do surf mundial. Esse ano, cinco surfistas estão na disputa: Ítalo Ferreira, Gabriel Medina, Filipe Toledo, Jordy Smith e Kolohe Andino.

Essa etapa não é relevante apenas para o título mundial, mas também para a classificação para as Olimpíadas de Tóquio 2020. Os dois melhores colocados de cada país garantem vaga para os jogos do ano que vem, portanto os brasileiros competem entre si por essa classificação.

Paralelamente,  John John Florence e Kelly Slater podem ser bodes expiatórios nesta corrida. Os dois provaram estar entre os melhores em Pipeline e podem estragar as chances do título mundial para alguns surfistas. Além disso, eles possuem grandes motivações para performar bem neste ano. John John quer brigar por uma vaga nas olimpíadas e Slater diz anunciar seu último ano no tour, ou seja, quer “se aposentar” com estilo.

Cinco surfistas estão na disputa pelo mundial, dessa forma, os cenários são os mais variados possíveis. Para um melhor entendimento, está explicitado o que cada competidor precisa fazer para ser campeão. Confira:

Ítalo Ferreira

  • Se ganhar a etapa
    • Não depende de resultados
  • Se ficar em 2º
    • Gabriel Medina não pode ganhar
    • Filipe Toledo não pode ganhar
  • Se chegar na semifinal (3º)
    • Gabriel Medina não pode chegar na final
    • Filipe Toledo não pode chegar na final
    • Jordy Smith não pode ganhar
  • Se chegar nas quartas de final (5º)
    • Gabriel Medina não pode na semifinal
    • Filipe Toledo não pode chegar na final
    • Jordy Smith não pode ganhar
  • Se cair no R16 (9º)
    • Gabriel Medina não pode chegar nas quartas de final
    • Filipe Toledo não pode chegar na semifinal
    • Jordy Smith não pode chegar na final
    • Kolohe Andino não pode ganhar
  • Se cair no R32 (17º) ou elimination round (33º)
    • Gabriel Medina não pode chegar no R16
    • Filipe Toledo não pode chegar no R16
    • Jordy Smith não pode chegar nas quartas de final
    • Kolohe Andino não pode chegar na final
    • não pode chegar nas quartas de final

Probabilidade de ser campeão mundial: 37,06%

Gabriel Medina

  • Se ganhar a etapa
    • Não depende de resultados
  • Se ficar em 2º
    • Ítalo Ferreira não pode ganhar
    • Filipe Toledo não pode ganhar
    • Jordy Smith não pode ganhar
  • Se chegar na semifinal (3º)
    • Ítalo Ferreira não pode chegar na semifinal
    • Filipe Toledo não pode chegar na final
    • Jordy Smith não pode chegar na final
  • Se chegar nas quartas de final (5º)
    • Ítalo Ferreira não pode chegar nas quartas de final
    • Filipe Toledo não pode chegar na semifinal
    • Jordy Smith não pode chegar na final
  • Se cair no R16 (9º)
    • Ítalo Ferreira não pode chegar no R16
    • Filipe Toledo não pode chegar nas quartas de final
    • Jordy Smith não pode chegar na semifinal
    • Kolohe Andino não pode ganhar
  • Se cair no R32 (17º) ou elimination round (33º)
    • Não tem chances de ser campeão

Probabilidade de ser campeão mundial: 23,36%

Filipe Toleto

  • Se ganhar a etapa
    • Não depende de resultados
  • Se ficar em 2º
    • Ítalo Ferreira não pode chegar na semifinal
    • Gabriel Medina não pode ganhar
    • Jordy Smith não pode ganhar
  • Se chegar na semifinal (3º)
    • Ítalo Ferreira não pode chegar nas quartas de final
    • Gabriel Medina não pode chegar na semifinal
    • Jordy Smith não pode chegar na final
  • Se chegar nas quartas de final (5º)
    • Ítalo Ferreira não pode chegar no R16
    • Gabriel Medina não pode chegar nas quartas de final
    • Jordy Smith não pode chegar na semifinal
    • Kolohe Andino não pode ganhar
  • Se cair no R16 (9º)
    • Ítalo Ferreira não pode chegar no R16
    • Gabriel Medina não pode chegar no R16
    • Jordy Smith não pode chegar nas quartas de final
    • Kolohe Andino não pode ganhar
  • Se cair no R32 (17º) ou elimination round (33º)
    • Não tem chances de ser campeão

Probabilidade de ser campeão: 22,56%

Jordy Smith

  • Se ganhar a etapa
    • Ítalo Ferreira não pode chegar na final
  • Se ficar em 2º
    • Ítalo Ferreira não pode chegar nas quartas de final
    • Gabriel Medina não pode chegar na semifinal
    • Filipe Toledo não pode ganhar
  • Se chegar na semifinal (3º)
    • Ítalo Ferreira não pode chegar no R16
    • Gabriel Medina não pode chegar nas quartas de final
    • Filipe Toledo não pode chegar na semifinal
    • Kolohe Andino não pode ganhar
  • Se chegar nas quartas de final (5º)
    • Ítalo Ferreira não pode chegar no R16
    • Gabriel Medina não pode chegar no R16
    • Filipe Toledo não pode chegar nas quartas de final
    • Kolohe Andino não pode ganhar
  • Se cair no R16 (9º), R32 (17º) ou elimination round (33º)
    • Não tem chances de ser campeão

Probabilidade de ser campeão: 13,04%

 

Kolohe Andino

  • Se ganhar a etapa
    • Ítalo Ferreira não pode chegar nas quartas de final
    • Gabriel Medina não pode chegar nas quartas de final
    • Filipe Toledo não pode chegar na semi final
    • Jordy Smith não pode chegar na final
  • Se ficar em 2º
    • Ítalo Ferreira não pode chegar no R16
    • Gabriel Medina não pode chegar no R16
    • Filipe Toledo não pode chegar nas quartas de final
    • Jordy Smith não pode chegar nas quartas de final
  • Se não chegar na final
    • Não tem chances de ser campeão

Probabilidade de ser campeão: 3,98%

Embora Medina tenha probabilidades menores que Ítalo em termos de resultado, ele é cotado como favorito para o título mundial. Isso se dá pelos seus resultados prévios em que obteve três finais e uma vitória.

O Billabong Pipe Masters terá seu início no dia 08 de Dezembro com transmissão ao vivo pelo site oficial da WSL.

LEIA MAIS: 

Mundial de Surfe 2020: confira como estão as disputas pela permanência na elite