Sondado pelo Palmeiras, Rodrigo Caetano revela onde será seu futuro

Verdão busca um substituto para o demitido Alexandre Mattos

Marcel Thomé
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Ricardo Duarte/Internacional

A busca do Palmeiras por um novo diretor executivo de futebol ainda não tem um final. Desde a saída de Alexandre Mattos, demitido no último domingo (1º) após a derrota para o Flamengo, no Brasileirão, o clube está no mercado e tem dois nomes na mira: Rodrigo Caetano, do Internacional, e Diego Cerri, do Bahia. O primeiro, no entanto, parece já ser uma carta fora do baralho.

Cartão de crédito sem anuidade? Abra sua conta Meu BMG agora!

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

Em entrevista à “Rádio Grenal” nesta quarta-feira (4), o dirigente do Inter mostrou satisfação ao ser lembrado pelo Verdão, mas admitiu que seu futuro seguirá sendo no time gaúcho.

Me sinto honrado em ser especulado em um clube desse tamanho, que está com grande capacidade de investimento. Isso é pelo meu trabalho aqui no Inter e meu compromisso de futuro é aqui“, disse o dirigente, deixando claro que não pretende assumir a direção do futebol do Palmeiras neste momento.

Quero deixar claro que o meu foco e meu compromisso ainda está com o Inter, não teve convite até o presente momento. Se acontecer, aí poderei responder de forma mais precisa. Até o presente momento não teve“, completou Caetano.

Outro nome sondado pela diretoria alviverde foi de Paulo Jamelli, ex-Coritiba e Santos.

Novo técnico do Verdão segue indefinido

Além de um diretor de futebol, o Palmeiras segue no mercado em busca de uma novo treinador. O nome preferido da diretoria é o de Jorge Sampaoli, atualmente no Santos, mas que só deve decidir seu futuro após a última rodada do Brasileirão, neste domingo.

Além dele, outros nomes especulados são do colombiano Juan Carlos Osorio, do Atlético Nacional-COL, e do argentino Gallado, do River Plate-ARG.

LEIA MAIS: