Torcedores do Palmeiras se irritam com a contratação de Luxemburgo nas redes sociais; veja

Após desistir de Jorge Sampaoli, o Palmeiras agiu rápido ao fechar com o técnico Vanderlei Luxemburgo para comandar o time em 2020

Péterson Neves
Jornalista com passagens pelo Portal R7, Jornal do Trem, Impacto Comunicação, Dialoog Comunicação e Comunicale. Contato: petersongneves@gmail.com

Crédito: Divulgação/Vasco da Gama

Após negociações encerradas com o ex-santista Jorge Sampaoli, a diretoria do Palmeiras agiu rápido e anunciou neste domingo (15) a contratação do técnico Vanderlei Luxemburgo por duas temporadas. A torcida alvineverde, no entanto, que poderia estar feliz pela definição do novo comandante, se mostrou irritada com a opção escolhida para dirigir o clube em 2020.

Cartão de crédito sem anuidade? Abra sua conta Meu BMG agora!

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

O retorno de Luxemburgo ao Verdão pela quinta vez na história irritou o torcedor pelo fato do presidente Maurício Galiotte ter dito que o clube acompanharia as novas mudanças do futebol para a próxima temporada já que entendem que Luxa está ‘ultrapassado’. Além das citações ao treinador, houveram muitos xingamentos a direção de futebol do time alviverde.

Acompanhe as notícias do seu time do coração pelo Facebook

“Diretoria lixo”, disse um palmeirense. “cadê a renovação dita pelo presidente?”, cobrou um outro torcedor. “É ultrapassado”, citou um terceiro amante do Verdão.

VEJA A REPERCUSSÃO DA CONTRATAÇÃO DE LUXEMBURGO ENTRE TORCEDORES DO PALMEIRAS:

ACERTO DE PALMEIRAS E LUXEMBURGO

Terceiro treinador com mais jogos (373) e mais vitórias (226) à frente do Palmeiras; na história, o técnico firmou vínculo com o Verdão neste domingo (15) por duas temporadas e inicia seus trabalhos pelo clube ainda neste mês de dezembro. Chegam com Luxemburgo o auxiliar Mauricio Copertino e o preparador físico Antônio Mello.

LEIA MAIS
Palmeiras tem jogadores promovidos e rebaixados na Série B
Denilson discorda de Galiotte sobre comprometimento dos jogadores do Palmeiras: “Não faltou entrega”