Vitória do Real Madrid tem Rodrygo e Vinícius Júnior juntos como titulares pela primeira vez

Dupla brasileira ajuda a manter os merengues na cola do líder Barcelona com triunfo sobre o Espanyol no Santiago Bernabéu

Patrick Monteiro
Repórter do Torcedores com passagens por: jornal O Fluminense (Niterói/RJ) e diário Lance. Comentarista e narrador na extinta Rádio Fluminense AM 540, onde apresentou os programas "Futebol Internacional" e "Jornada Esportiva". Ex-colunista do site Chelsea Brasil. Cobriu, in loco, a Copa do Mundo FIFA 2014, incluindo a grande final (Alemanha x Argentina), entre outros eventos, como Rio Open de tênis, Copa Brasil de Vela e Conmebol Libertadores.

Crédito: Divulgação/Facebook/Real Madrid C.F.

A vitória do Real Madrid sobre o Espanyol, por 2 a 0, no último sábado (7), no Santiago Bernabéu, marcou a primeira vez em que os brasileiros Rodrygo e Vinícius Júnior começaram juntos uma partida no clube. O ex-santista chegou aos merengues em setembro, um ano depois da estreia do ex-flamenguista 

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Eles já haviam trocado passes, porém não desde o apito inicial. No total, com a dupla em ação, seja já no começo dos jogos ou no decorrer, o Madrid acumula três vitórias, um empate e uma derrota, com cinco gols a favor e somente um sofrido.   

Os comandados de Zinédine Zidane não estão na liderança do Campeonato Espanhol por detalhe: ficam atrás do Barcelona apenas nos critérios de desempate. Ambos têm 34 pontos ganhos em 15 jogos. Na próxima quarta-feira (11), o Real – já classificado para as oitavas de finais – visita o Club Brugge, na Bélgica, pela última rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa, às 17h (de Brasília).  

Leia também:

Messi é criticado por técnico de time que levou três gols do argentino: “Parece que está em uma bolha”

Calendário repleto de jogos em dezembro faz Klopp ficar atento para evitar lesões no Liverpool

Jorge Jesus diz que a Libertadores é tão importante quanto a Champions

Mourinho compara pintura de Son a gol antológico de Ronaldo Fenômeno