Felipe Melo protagoniza reportagem de jornal espanhol com frase antiga e polêmica: “Seria assassino se não fosse jogador”

Marca relembrou que Felipe Melo afirmou, em 2015, que “teria sido um assassino se ele não fosse jogador de futebol”; jogador se explicou à época

Willian Ferreira
Colaborador do Torcedores.com e contador de histórias do esporte.

Crédito: Twitter/Reprodução

Felipe Melo é um dos jogadores mais polêmicos do futebol brasileiro. Cheio de frases fortes, entradas viris e atitudes polêmicas, o volante do Palmeiras foi tema de uma reportagem no Marca. O mais relevante diário esportivo da Espanha estampou a matéria com uma frase forte sobre o atleta.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes
https://www.facebook.com/TorcedoresOficial

A manchete da reportagem sobre o jogador é enfática. “Felipe Melo, o jogador que teria sido um assassino se ele não fosse jogador de futebol: seus punhos são armas”. A frase, impactante, tem razão de ser. Por sinal, ela tem origem na própria imprensa do Velho Mundo.

Em 2015, falando à Sky Sports, ele deu uma declaração forte – que está na manchete do Marca. A declaração seguia: “Eu vivi em uma das favelas mais perigosas de Volta Redonda, e ali havia drogas e armas. Deixei aquela vida para perseguir o meu sonho. Às vezes, eu ia para os treinamentos e na volta algum dos meus amigos tinha morrido. Eu tive que dizer sim ao futebol ou a uma vida ruim. E eu disse sim ao futebol e tive uma vida diferente”, declarou.

Na época, Felipe Melo chegou a se explicar em uma publicação no Facebook:

Mais

A reportagem também destacou os vídeos de Felipe Melo treinando lutas e fazendo exercícios físicos.

LEIA MAIS
Saiba quais são as 4 prioridades do Palmeiras na volta aos treinos
Atleta do Palmeiras faz ação social e doa cobertores e alimentos para moradores de rua

Para explicar “alto padrão”, técnico do Inter relembra jogo contra o Palmeiras: “Mesmo perdendo tivemos uma boa atuação”