Após vencer Rafael dos Anjos, Michael Chiesa pede luta com Colby Covington

Americano derrotou brasileiro no co-main event do UFC Raleigh

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Divulgação/Facebook UFC Brasil

Michael Chiesa obteve sua maior vitória até o momento nos meio-médios do UFC ao derrotar Rafael dos Anjos no último final de semana no UFC Raleigh. O ‘Maverick’ agora pretende usar tal triunfo para alçar voos mais altos dentro da organização.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram 

Após a vitória em cima do brasileiro, Chiesa chegou a pegar o microfone e fazer o desafio a Colby Covington, que vem de derrota para Kamaru Usman no UFC 245. E posteriormente justificou o desafio ao ‘Chaos’.

“Acabei de vencer o número 5 do ranking e acho que a hora mais importante para pedir uma luta é depois que você vence. Você tem que capitalizar a vitória. Eu não quero ficar trocando provocação com o Colby, respeito ele, é um cara bastante duro. Mas quero ser campeão mundial. Se você ver o top-5 da categoria, essa é a luta que faria mais sentido para mim”, refletiu Chiesa segundo o BJPenn.com

“Eu já tinha dito que, se eu vencesse o Rafael dos Anjos, eu não aceitaria menos do que o top-5 da categoria. Irei tomar o lugar dele. Olhando para como está a divisão agora, é a luta que mais faz sentido para mim. Quero ser testado lutar contra os melhores, por isso quero o Colby”, completou.

LEIA MAIS

Bellator 238: Cris Cyborg nocauteia Julia Budd, faz história e conquista cinturão peso-pena feminino; assista

 

(Crédito da foto: Divulgação/Facebook UFC Brasil)