Valiosos: 10 promessas contratadas por verdadeiras fortunas

Jovens jogadores que fizeram seus respectivos clubes apostarem alto

Lucas Meireles
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Reprodução/Facebook Oficial do Real Madrid C.F.

Na última segunda-feira (20), o Real Madrid, da Espanha, anunciou a contratação de mais uma de suas promessas. Para contar com o meia Renier, o clube merengue precisou desembolsar € 30 milhões de euros. E o Torcedores aproveitou para listar outras jovens revelações que custaram alto aos seus respectivos novos clubes.

Renier mal completou 18 anos e já foi anunciado pelo maior clube do Século XX. De acordo com o próprio meia, “estar no Real Madrid é estar no topo do futebol”.

Nos merengues, o jogador deve seguir os passos de outras duas jovens revelações do nosso futebol. Os atacantes Vinicius Júnior, também ex-Flamengo, e Rodrygo, ex-Santos. O trio inclusive está no top-10 das transferências mais caras da história do futebol brasileiro.

Porém, esse alto investimento em jovens promessas não se restringe somente ao futebol brasileiro. Na última janela européia, por exemplo, a transferência mais cara foi a do jovem português João Felix, contratado pelo Atlético de Madrid, da Espanha.

Confira abaixo outras promessas que chegaram com grandes investimentos:

Kylian Mbappé (PSG)

Mbappé é uma das jovens promessas que custaram alto ao seus clubes

(Foto: Reprodução/Facebook Oficial do PSG – Paris Saint-Germain)

Quem olha para Kylian Mbappé, aos 21 anos, titular do Paris Saint-Germain, segundo jogador com menos de 20 anos a marcar gol em final de Copa do Mundo, ao lado de ninguém menos que o Rei Pelé, pode até esquecer. Entretanto, o jovem francês já foi tratado como uma promessa. Sensação com a camisa do Mônaco, o atacante foi contrato pelo PSG por empréstimo com opção de compra. Uma estratégia para driblar o Fair Play Financeiro, uma vez que o clube havia acabado de contratar Neymar, do Barcelona. Ao final da temporada, a equipe francesa precisou desembolsar € 145 milhões de euros (R$ 674,7 milhões de reais à época).

João Felix (Atlético de Madrid)

João Felix é uma das promessas que custaram alto aos clubes

(Foto: Reprodução/Facebook Oficial do Atlético de Madrid)

Comparado a Cristiano Ronaldo e considerado o futuro do futebol português, o atacante João Félix foi a contratação mais cara da Janela de Verão Europeu. Para contar com a jovem promessa, o Atlético de Madrid precisou desembolsar € 126 milhões de euros (R$ 543 milhões de reais) ao Benfica. Contudo, apesar de um início promissor nos colchoneros, o atacante começou a ser criticado pela falta de gols. Recentemente, o jogador foi defendido pelo técnico Diego Simeone.

Ousmane Dembelé (Barcelona)

(Foto: Reprodução/Facebook Oficial do FC Barcelona)

Quando o Barcelona perdeu o atacante Neymar para o Paris Saint-Germain, os catalães precisavam de uma reposição. Para isso, investiram alto na contratação do francês Ousmane Dembelé, de 20 anos à época. Foram €125 milhões de euros (R$ 540 milhões de reais) pagos ao Borussia Dortmund, da Alemanha. Entretanto, aos 22 anos, o atacante tem vivido altos e baixos com a camisa blaugrana.

Lucas Hernandez (Bayern de Munique)

Lucas Hernandez é uma das promessas que custaram alto aos clubes

(Foto: Reprodução/Facebook Oficial do Bayern München)

Lucas Hernandez foi uma das principais contratações da Janela de Verão Europeia. O francês chegou ao Bayern de Munique, da Alemanha, com status de lateral mais caro da história. Foram € 80 milhões de euros (R$ 354,4 milhões de reais) para cobrir a multa rescisória do jogador que fez parte do grupo da França, campeã da Copa do Mundo 2018.

Frankie De Jong (Barcelona)

De Jong é uma das promessas que custaram alto aos clubes

(Foto: Reprodução/Facebook Oficial do FC Barcelona)

Um dos principais jogadores da campanha do Ajax, semifinalista da UEFA Champions League 2018/2019, o holandês Frankie De Jong foi mais uma das promessas a desembarcar no Camp Nou. Aos 21 anos, o meia custou € 75 milhões de euros (R$ 325 milhões de reais) aos cofres do clube.

Matthijs De Ligt (Juventus)

De Ligt é uma das promessas que custaram alto aos clubes

(Foto: Reprodução/Facebook Oficial da Juventus)

Outra jovem promessa proveniente do Ajax, semifinalista da UEFA Champions League foi o zagueiro Matthijs De Ligt. Aos 19 anos, o defensor já era o líder e capitão da equipe holandesa. Tanto que chamou a atenção de gigantes europeus como PSG, Barcelona e Manchester United. Porém, foi a Vecchia Signora que acabou ficando com o zagueiro após pagar € 75 milhões de euros (R$ 317 milhões de reais) pelo jovem talento.

Rodri (Manchester City)

Aos 23 anos, o volante Rodri é um pouco mais velho que as demais promessas. Porém, bastou uma grande temporada com a camisa do Atlético de Madrid para o espanhol atrair a atenção do milionário Manchester City, da Inglaterra. Os citizens pagaram a multa rescisória do jogador no valor de € 70 milhões de euros (cerca de R$ 304,5 milhões de reais).

Aaron Wan-Bissaka (Manchester United)

Wan-Bissaka é uma das promessas que custaram alto aos clubes

(Foto: Reprodução/Facebook Oficial do Manchester United)

Considerado uma das revelações do futebol inglês, o lateral-direito de ascendência congolesa chegou com moral no Machester United. Os Red Devils investiram € 56 milhões de euros (R$ 244,5 milhões de reais) para contar com o ex-jogador do Crystal Pallace. Mais do que isso, Wan-Bissaka se tornou o quinto jogador mais caro da história do clube. Ficando atrás somente de Paul Pogba, Romelu Lukaku, Angel Di Maria e o brasileiro Fred.

Vinicius Júnior (Real Madrid)

Vinicius Junior é uma das promessas que custaram alto aos clubes

(Foto: Reprodução/Facebook Oficial do C.F. Real Madrid)

Joia das divisões de base do Flamengo, Vinicius Junior foi negociado com o Real Madrid quando tinha apenas 16 anos. Para contar com o jogador, o clube merengue precisou desembolsar € 45 milhões de euros (aproximadamente R$ 100 milhões de reais) pelo jovem. A segunda maior transferência da história do futebol brasileiro, empatada com a de Rodrygo, para o mesmo Real Madrid e ficando atrás apenas da venda de Neymar para o Barcelona. Inicialmente contratado para atuar pelo Castilla, não demorou para Vinicius Junior a atenção da comissão técnica e atuar pela equipe principal do Real.

Rodrygo (Real Madrid)

Rodrygo é uma das promessas que custaram alto aos clubes

(Foto: Reprodução/Facebook Oficial do C.F. Real Madrid)

Outra contratação que o Real Madrid não tardou a fazer foi a de Rodrygo, destaque do Santos. Assim como Vinicius, o clube espanhol investiu os mesmos € 45 milhões de euros quando o jovem tinha apenas 17 anos. Hoje, Rodrygo também faz parte do elenco principal dos merengues.