Coronavírus faz jogos de times chineses serem adiados na Liga dos Campeões da Ásia

A decisão vale para três dos quatro clubes chineses que estão na competição

João Pedro Prado Restani
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/Shanghai SIPG

Mais de 20 mil casos confirmados e quase 500 mortes. Esse é o caos que o coronavírus está fazendo na China e tal vírus tão fatal tem reflexo direto no futebol. Nesta terça-feira (4) a AFC (Confederação Asiática de Futebol) decidiu adiar o jogo de três dos quatro clubes chineses que disputam a competição continental, são eles: Shanghai Shenhua, Guangzhou Evergrande e Shanghai SIPG, sendo os dois últimos clubes com brasileiros no elenco.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

O único time do país que não teve sua partida adiada foi o Beijing Guoan, que está na Coréia do Sul, fazendo sua preparação para a partida contra o clube local FC Seoul. O clube de Renato Augusto está no Grupo E, que além de Beijing e Seoul conta com o Chiangrai United da Tailândia e o Melbourne Victory da Austrália.

O Shanghai Shenhua, do atacante italiano Stephan El Shaarawy, está no grupo F, junto de Perth Glory da Austrália, Tokyo do Japão e Ulsan Horang I da Coréia do Sul. O Guangzhou Evergrande de Paulinho, Elkeson, Ricardo Goulart e Anderson Talisca, integra o Grupo G, com Johor Darul Ta’zim (Malásia), Suwon Bluewings (Coréia do Sul) e Vissel Kobe (Japão), atual time de Andrés Iniesta. Por último o Shanghai SIPG, de Oscar e Hulk, que está no grupo H, de Jeonbuk Motors (Coréia do Sul), Sydney (Austrália) e Yokohama Marinos (Japão).

A decisão foi comentada por Windsor John, secretário geral da Confederação. “Nos reunimos em circunstâncias difíceis para encontrar soluções que nos permitam jogar futebol, garantindo a proteção de todos os jogadores e torcedores. Também aceitamos que o coronavírus seja um problema muito maior do que apenas o futebol e desejamos a todos aqueles que foram afetados um rápido retorno à saúde”, disse.

LEIA MAIS:

Champions League Ásia 2020: confira como ficaram definidos os grupos