Presidente do Inter avalia que vencer o Grêmio é a “maior satisfação” que um dirigente pode ter

Marcelo Medeiros projetou o clássico de sábado em entrevista ao jornalista Fabiano Baldasso

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Ricardo Duarte/Inter

Às vésperas do Gre-Nal 423, o presidente colorado Marcelo Medeiros reconheceu que ganhar do Grêmiorepresenta a “maior satisfação” que um dirigente do Inter pode ter. Ele deu a declaração em entrevista concedida ao jornalista Fabiano Baldasso, em seu canal no YouTube.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Medeiros ainda fez uma analogia com a sua infância e adolescência, dizendo que cresceu vislumbrando um domingo “perfeito” com vitória sobre o Grêmiono Beira-Rio e o visual do pôr do sol do Guaíba.

“Uma vez me perguntaram como seria um domingo perfeito. Pra mim é vir pro Beira-Rio, ganhar do Grêmioe descer a rampa vendo o pôr do sol do Guaíba. Essa rivalidade faz do nosso clássico um dos importantes do mundo. Uma cidade do Sul do Brasil ter esses títulos que os dois têm. Por isso, ganhar do Grêmioé, talvez, a maior satisfação que um dirigente colorado possa ter”, destacou.

Eleito no final de 2016 e empossado no início do ano seguinte, o atual mandatário tem somente duas vitórias em clássicos desde então. A primeira foi na volta das quartas de final do Gauchão de 2018, com um 2×0 no Beira-Rio. Mesmo com esta derrota, o Grêmiose classificou e depois se tornou campeão. A outra vitória colorada na gestão Medeiros foi no segundo turno do Brasileirão do mesmo ano, 1×0, gol de Edenilson, também em casa.

Por outro lado, o dirigente também participou de quatro derrotas e cinco empates. O Gre-Nal deste sábado, 16h30, no Beira-Rio, é válido pela semi do primeiro turno do Gauchão.

LEIA MAIS:

Rodinei vibra com classificação e se “assusta” ao saber da sequência de jogos pela frente: “Fiquei até cansado agora”

Como um raio! Marcos Guilherme define alegria após golaço e classificação do Inter: “Extrema importância”