Torcida do Manchester United protesta contra donos, pede nova venda, mas negócio custaria mais de R$ 14 bilhões

O Manchester ocupa apenas o 8º lugar no Campeonato Inglês

Jeferson Macedo
Colaborador do Torcedores

Foto: Divulgação/Manchester United


O Manchester United vive uma crise que parece não ter fim. O clube vem de uma sequência de temporadas ruins e investimentos que não dão retorno. A paciência dos torcedores já chegou a paciência fim.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Com isso os contrários a família Glazer, os donos do clube, pedem sua saída. A pressão aumenta a cada dia. Porém, a vende novamente do clube não será fácil.

DAZN agora custa menos de R$1,00 por dia e o primeiro mês é grátis! Assine já!

O  investidor assumir as rédeas dos red devils, teria que desembolsar aos Glazer cerca de 2,8 bilhões de euros. Segundo o jornal  Daily Mail apenas 20 pessoas no Mundo estariam em condições de fazer uma proposta desta envergadura.

Mesmo assim, há o interesse de alguns empresários sauditas que,  já tentaram comprar o Manchester United. Outro impasse é que a família Glazer não quer vender a totalidade do clube.

Além disso, outro fator que dificulta as negociações é o estádio do Manchester United, os novos investidores que chegassem teriam  que fazer obras no Old Trafford.

O estádio, inaugurado em 1909, precisa de uma grande reforma que pode custar 240 milhões de euros, segundo informou o Daily Mail. A obra aumentaria a lotação de 75 para 90 mil espetadores, porém, como a bancada sul tem uma estação de comboio logo atrás, com isso o aumento das arquibancadas, teria que ser feito em uma altura que  o superasse, só isso já aumentaria o custo das obras.

Na Prenier League, o Manchester ocupa a  8.º com 35 pontos, a 6 da vaga na Liga dos Campeões.