Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

As cinco maiores rivalidades entre equipes da NBA

A melhor liga de basquete do planeta é também a mais competitiva. E com tantos astros em quadra, enormes rivalidades foram criadas. Confira aqui as maiores.

Cássio Cundari
Colaborador do Torcedores.com.

Foto: NBA / Reprodução.

Los Angeles Lakers x Boston Celtics

A maior rivalidade da NBA (Associação Nacional de Basquete, da sigla em inglês) foi construída ao longo dos anos pelas duas equipes mais vitoriosas da liga. Juntas, elas colecionam 33 títulos e já se enfrentaram nas finais nada menos do que 12 vezes. O primeiro desses confrontos foi em 1959, quando os Lakers ainda jogavam em Mineápolis. Nos anos 60, foram outras seis finais entre as duas equipes.

Contudo, foi nos anos 80 que a rivalidade se consolidou. Liderados por Magic Johnson e Larry Bird (foto), Lakers e Celtics fizeram outras três finais naquela década. E após 21 anos de espera, as duas equipes voltaram a se encontrar na decisão apenas em 2008. A última final entre os times de Boston e Los Angeles foi em 2010.

E se o time de Boston tinha ampla vantagem no início deste histórico, nos últimos encontros os Lakers levaram a melhor. Os Celtics ficaram com a taça nas oito primeiras finais entre as duas equipes. Já nas últimas quatro decisões, o time de Los Angeles levou a melhor em três oportunidades.

Detroit Pistons x Chicago Bulls

A rivalidade entre as duas equipes da Conferência Leste da NBA surgiu entre o final dos anos 80 e início dos 90. Enquanto o polêmico Isiah Thomas comandava os “Bad Boys” de Detroit, o novato Michael Jordan começava a brilhar pelos Bulls.

A experiência dos Pistons prevaleceu por três anos seguidos diante do time de Chicago. Entre 1988 e 1990, as duas equipes se enfrentaram nos play-offs e a tática defensiva do time de Thomas saiu vencedora. Só que em 1991, foi impossível conter o ímpeto e a categoria de Jordan, que conquistou o título da Conferência Leste pela primeira vez justamente contra o rival.

Boston Celtics x Philadelphia 76ers

Entre as equipes do Leste, outra rivalidade histórica foi estabelecida na NBA em meados do século passado. A primeira final entre as duas equipes aconteceu ainda em 1954, quando o time da Filadélfia jogava em Syracuse. Foram dois títulos seguidos da Divisão Leste para os Nationals, enquanto os Celtics venceram as cinco decisões seguintes.

Apenas em 1967, a vitória mudaria de lado. Wilt Chamberlain, um dos maiores astros da história da liga, comandou o Sixers no triunfo sobre o time de Boston. As duas equipes ainda se enfrentariam outras quatros vezes em finais, com duas vitórias para cada lado. O último desses confrontos aconteceu em 1985.

Los Angeles Lakers x San Antonio Spurs

Na Conferência Oeste, outra grande rivalidade foi estabelecida na década passada. Com tantas estrelas defendendo as duas equipes naquela época, não é nenhuma surpresa que, entre 1999 e 2013, Lakers e Spurs tenham se encontrado sete vezes nos play-offs.

E além do talento do quilate de Kobe Bryant, Shaquille O’Neal, Tim Duncan e Tony Parker, as franquias ainda contavam com duas feras no comando: Phil Jackson, pelo Los Angeles, e Gregg Popovich, por San Antonio. Enquanto o primeiro venceu quatro vezes o confronto, o segundo levou a melhor nas outras três oportunidades.

Golden State Warriors x Cleveland Cavaliers

Recentemente, a rivalidade entre outras duas feras do esporte ganhou destaque na NBA. LeBron James, pelos Cavs, e Stephen Curry, pelo Warriors. Entre 2015 e 2018, foram quatro finais consecutivas entre as duas equipes, um recorde na liga. Foram três vitórias para Golden State e apenas uma para Cleveland.

LEIA MAIS
Michael Jordan, LeBron James e Kobe Bryant: Everaldo Maques elege top 10 astros da história da NBA
Raulzinho: “Quero ser um exemplo para as pessoas no Brasil”