Real Madrid dará preferência a vendas em janela de transferências, diz jornal

Merengues não devem fazer contratações de impacto e irão negociar atletas que não tem espaço dentro do clube

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Divulgação/Site Oficial do Real Madrid

A próxima janela de transferências do mercado europeu promete ser movimentada. Mas se muitos pretendem ir ao mercado para contratar mesmo com as perdas financeiras derivadas da pandemia do coronavírus, outros quem mesmo é negociar jogadores. Como o Real Madrid.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes
https://www.facebook.com/TorcedoresOficial

De acordo com o Marca, o Real não irá investir em reforços de peso, ao contrário de outros grandes do futebol europeu. Por ora, a intenção dos merengues é de negociar jogadores que estão encostados no clube e sem espaço.

Uma das negociações já aconteceu nos últimos dias, com Achraf Hakimi deixando Madri rumo a Inter de Milão, por 40 milhões de euros. Outros candidatos a serem negociados na abertura da janela são James Rodríguez, Gareth Bale, Marino Díaz e Dani Ceballos.

Está em dúvida sobre qual curso de faculdade escolher?

Todos estes poderão render ao Real Madrid, segundo as estimativas, até 200 milhões de euros aos cofres do clube. Um reforço financeiro que virá em boa hora, com a pandemia tendo cortado boa parte das verbas financeiras dos clubes de futebol pelo mundo.

LEIA MAIS

Zidane volta a rebater insinuações de favorecimento ao Real Madrid

(Crédito da foto: Divulgação/Site Oficial do Real Madrid)