Simon Roberts assume como diretor esportivo interino da Williams

Simon Roberts substitui Claire Williams na chefia da equipe

Carlos Lemes Jr
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/Williams Racing

O processo de reestruturação da Williams ganha um capitulo importante: após a saída de Claire Williams da direção técnica, a equipe de Groove anunciou Simon Roberts como diretor esportivo interino. Roberts estava como gerente geral, enquanto Claire comandava as operações nos fins de semana de GP.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

“Estou muito feliz por ser anunciado como chefe de equipe interino, durante este período de transição. É um momento empolgante pela frente para a equipe, uma nova era para a Williams e na qual estou animado para fazer parte. Estou ansioso para o desafio que temos pela frente, pois buscamos levar a equipe de volta à ponta do grid”, declarou o profissional promovido.

Simon Roberts tem 57 anos e é formado em engenharia mecânica pela Universidade de Manchester. Na F1, ele entrou em 2003 como gerente de TI, logística e operações da McLaren. Depois de seis anos, em 2009, se transferiu para a Force India também como gerente de operações. Por lá, ficou até 2010, quando retornou a McLaren. No começo de 2020, assinou com a Williams.

O inglês estreia na nova função, já nesse fim de semana, no GP da Toscana em Mugello.

Sobre a Williams

Fundada em 1977 por Frank Williams e Patrick Head, a equipe é a terceira maior vencedora da Fórmula 1 com 114 triunfos, atrás da Ferrari, com 238 triunfos; e da McLaren, com 182. São  nove títulos mundiais de construtores e sete de pilotos. A  Williams é a equipe que mais abrigou brasileiros na história do país na F1. Foram seis, os pilotos que sentaram em um cockpit de Groove: Nelson Piquet (1986-87), Ayrton Senna (1994), Antonio Pizzonia (2004-2005), Bruno Senna (2012), Rubens Barrichello (2010-2011) e Felipe Massa (2014-2017).

LEIA MAIS

Claire Williams anuncia que família vai sair da equipe de F1

Do início ao adeus: relembre a trajetória da família Williams na Fórmula 1