UFC quer revanche entre Masvidal e Diaz; luta é pensada para janeiro

Luta será revanche do duelo que decidiu o ‘BMF Belt’ do Ultimate

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Reprodução

Jorge Masvidal lutará por um título em seu próximo combate pelo UFC. Mas não será uma revanche pelo cinturão dos meio-médios do Ultimate contra Kamaru Usman, mas para defender o chamado ‘BMF Belt’ contra Nate Diaz.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes
https://www.facebook.com/TorcedoresOficial

O site TMZ informa que o Ultimate deseja que ambos participem de uma revanche para colocar em defesa o cinturão, criado pela organização como ferramenta promocional para a luta de ambos, veteranos e favoritos dos fãs de luta pelo estilo brigador e pela postura provocativa de agir.

A intenção da organização seria de que Masvidal e Diaz lutassem no UFC 256, em dezembro, no mesmo evento em que Kamaru Usman deve defender o título dos meio-médios contra o brasileiro Gilbert Durinho. Mas até agora não há qualquer informação de que a luta está sendo negociada propriamente.

Segundo o MMAFighting, o UFC cogitaria para realizar entre o fim de 2020 e o começo de 2021, com a ESPN americana reportando que a luta é planejada para ser em janeiro de 2021.

Masvidal e Diaz foi a luta principal do UFC 244, a primeira válida pelo ‘BMF Belt’, vencida pelo ‘Gamebred’ por interrupção médica por causa de um corte em Diaz. Por causa do fim abrupto do duelo, os dois lutadores chegaram a abrir espaço para uma revanche, que pode estar prestes a acontecer.

LEIA MAIS

UFC planeja luta entre Usman e Durinho para dezembro, diz site02