Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Santos: Justiça volta a negar pedido para Peres voltar à presidência

Afastado devido a processo de impeachment, dirigente do Peixe tentou retomar vaga na Justiça

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Foto: Ivan Storti/Santos FC

José Carlos Peres segue fora do comando do Santos. De acordo com a coluna de Marília Ruiz no Uol Esporte, o presidente afastado do Peixe não conseguiu retomar o cargo após ter recurso recusado na Justiça.

A decisão foi proferida pela desembargadora Márcia Dalla Déa Barone, da 4ª Câmara de Direito Privado de Santos, em pedido que fora indeferido nesta segunda-feira (5). Na decisão, a desembargadora afirma que o pedido de Peres não ‘preenche requisitos para concessão do pretendido efeito ativo’ e nem ‘preenchimento dos pressupostos legais para concessão de medida de urgência’.

O presidente afastado do Santos já havia entrado na última semana com processo na primeira instância para tentar a anulação da votação do Conselho Deliberativo do clube que o afastou do cargo devido a irregularidades apontadas por relatório do Comissão de Inquérito e Sindicância.

O processo ainda segue em primeira instância com os pedidos para que os advogados tanto de José Carlos Peres como os de Marcelo Teixeira, presidente do Conselho Deliberativo santista, façam as respectivas defesas para que o pedido seja novamente analisado.

Por enquanto, a presidência do Santos seguirá sendo exercida de forma interina por Orlando Rollo.

LEIA MAIS

Santos: Por calendário, Cuca fez pedido à diretoria por reforços

( Foto: Ivan Storti/Santos FC)